Quinta-feira, 25 de Março de 2010

Adeus!

Terça-feira, 2 de Março de 2010

Manuela Ferreira Leite: a última homenagem?

MFL está de saída e de regresso ao seu cantinho no Banco de Portugal (não sei se já estará reformada), que funciona, tal como o Ministério das Finanças, de albergue dos economistas políticos, que não são exactamente os que fazem da economia política o centro da sua vida profissional mas os economistas que decidem fazer umas incursões pela carreira política. Com rede, evidentemente! Porque isso de risco e de empreendedorismo é bom   para os outros e ... para o discurso. Se alguma coisa correr mal…

 

Seria pois a hora de fazer o balanço desta sua última passagem pela política a tempo inteiro. Mas não dá! É que, sem receio de ser acusada de falta de escrúpulo em ser juíza em causa própria, já disse que foram atingidos todos os objectivos a que se tinha proposto para a sua liderança. Quando assim é, quando todos os objectivos são atingidos, não pode ficar uma réstia de dúvida sobre o êxito da missão…

 

Assim sendo, e pelo que é possível detectar à vista desarmada por quem minimamente acompanhou estes últimos dois anos, só se consegue encontrar uma explicação. Que é esta: os objectivos a que a líder do PSD se propôs para o seu mandato fazem parte da sua esfera pessoal. Nem por escutas lá chegaríamos. Traçou-os sozinha, manteve-os mais bem guardados que o segredo de justiça, não disse nada a ninguém e, agora que chega ao fim, diz que todo foram atingidos. Nem um falhou!

 

Só por evidente má fé alguém pode duvidar. E só por ainda mais evidente má-fé, e por uma enorme dose de ignorância, alguém poderá sequer ter a veleidade de pensar em fazer o tal balanço. Como seria possível se lhes falta conhecer o essencial, as balizas da avaliação que são os objectivos e as metas traçadas no seu mais profundo e respeitável silêncio?

 

Mas MFL é antes de mais uma querida. Não queria despedir-se de nós sem uma única falha, qualquer coisita, uma pequena gafe que fosse a que nos pudéssemos agarrar para darmos largas à nossa eterna má-língua, à nossa idiossincrática mania de maldizer. Para gáudio de toda a imensa maioria que a quer ver pelas costas teria de fazer uma mesmo a sério. Uma daquelas argoladas que ninguém lhe iria perdoar.

 

Pensou em qualquer coisa como parar com a democracia por seis meses. Logo concluiu que essa não, já tinha sido chão que dera uvas. Uma qualquer sobre imigrantes? “Bolas, também já gastei essa” – pensou. Pela cabeça passava-lhe ainda salário mínimo, avaliação de professores quando, de repente, lhe saiu o seu eureka: Joaquin Almunia. Sim, se ele tinha sido tão atacado por toda a gente com aquela de Portugal estar igual à Grécia, era mesmo aí que estava a chave do sucesso. Ou não fosse ela uma mulher bem sucedida que cumpre todos os seus objectivos!

 

Estava encontrada a solução. Só faltava definir os contornos. Teria que ser algo de incisivo e suficientemente provocatório, de preferência com um impacto de colisão frontal com as posições que assumira em torno do Orçamento. E onde? Numa entrevista de pouca visibilidade? No parlamento? "Já sei", rematou com ar de quem tinha encontrado a solução para salvar todas as “piquenas”empresas do país: “vou dizer na conferência da Câmara de Comércio Luso-Francesa que Portugal está rigorosamente no mesmo caminho da Grécia …"

 

Terça-feira, 2 de Fevereiro de 2010

tweetpost- 11

@joaomiranda É cada vez mais evidente que Manuela Ferreira Leite ganhou as eleições. Governo vai rever construção de auto-estradas

retirada da net

Sexta-feira, 4 de Dezembro de 2009

Não têm mesmo vergonha

Esta semana em post "pedi" que os politicos tivessem vergonha e que se calassem em relação ao caso face oculta, pois estavam a ir longe demais nas insinuações mútuas (governo e oposição) que estavam a fazer e que desta forma colocavam a democracia e um dos pilares fundamentias, justiça, em total descrédito.

Por motivos pessoais estou em casa e estou a ver o debate quinzenal, o que se passou é indigno de um Primeiro-ministro. Em vez de  esclarecer dúvidas e demarcar-se dos ministros e vice-presidente da bancada socialista quando afirmaram que houve espionagem politica, no caso "face oculta",o PM proferiu afirmações que pouco, diria, nada abonam em seu favor como líder de um governo de um país democrático.

O não responder a perguntas em concreto já é  imagem de marca.

Louçã esteve bem em "teimar" em saber porque Sócrates em tempo disse na AR que nada sabia disso, leia-se PT compra TVI, e agora diga que não sabia oficialmente.

Só CDS-PP e PCP, falaram das questões graves que o país atravessa em termos económicos e financeiros.

Mais uma vez não gostei da prestação de Ferreira Leite, o "ódio" ao PM turva-lhe a clareza das intervenções.

Quem puder que veja nas noticias as intervenções deste debate em que soubemos que o salário minimo vai subir para 475 euros.

imagem via sapo

 

 

meus comentários twitter

Quarta-feira, 2 de Dezembro de 2009

Tenham vergonha e calem-se!!!

É a doideira completa neste país.

Agora o PS sugere que Manuela Ferreira Leite teve conhecimento das escutas que envolvem Sócrates e Armando Vara.

Um país à beira da bancarrota, também, nos valores democráticos e da decência politica.

Quarta-feira, 11 de Novembro de 2009

Manuela Ferreira Leite

Manuela Ferreira Leite  exigiu hoje no Parlamento que se esclareça  tudo sobre os vários casos que agitam a opinião pública. A presidente do PSD disse hoje no Parlamento que "as dúvidas políticas não se resolvem destruindo provas", referindo-se às escutas entre Sócrates e Vara que foram dadas como nulas pelo Supremo Tribunal. Para Ferreira Leite "as dúvidas não se resolvem destruindo provas".  via sapo

 É inadmissível.

 

Quarta-feira, 2 de Setembro de 2009

Afinal quem é liberal e conservador?

Sócrates acusa Manuela Ferreira Leite de ser conservadora e que ele é que é moderno e progressista, mas afinal quem é liberal tendo como base estes exemplos:

 

Lei das uniões de facto: ser liberal é obrigar quem não quer casar a ter os mesmos direitos e deveres de quem é casado?

 

Lei do divórcio: fazer com que não haja responsabilização a quem denuncia um contrato é ser liberal ?

 

Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009

Benfica ajuda Ferreira Leite

A grande entrevista na RTP de Ferreira Leite que decorreu durante a hora do SLB contra os Ucranianos seria um problema, pois com 6 milhões de adeptos..., sobravam poucos para ver a entrevista, mas como o jogo só deu em diferido na SIC, já depois da entrevista, foi possivel ver MFL e ficar a saber que, definitivamente, temos por onde optar, pois os candidatos a Primeiro-ministro são muito diferentes.

MFL esteve globalmente bem, não se comprometeu com nada, a não ser que não irá aumentar impostos, quanto a mim esteve mal na explicação da escolha de António Preto e não gostei da insinuação que se fosse ela a presidente do partido, na altura, provavelmente Isaltino e Valentim Loureiro seriam os candidatos do PSD.

Gostei da postura forte e determinada com que fala de Sócrates, sem medo, com garra, gostei da afirmação que não faz politica com powerpoints e que as pessoas no dia a dia são naturais e como tal, ela é como é e quem gosta gosta quem não gosta azar, não vão ao engano.

Esteve também bem ao dizer que Sócrates deve fazer frentes a frentes com os outros candidatos e não só com ela, para que as pessoas percebam ao que vai cada partido em relação aos outros. Falou-se pouco do programa eleitoral, até porque ainda não foi apresentado, mas gostei da postura, pareceu mais à vontade.Vamos esperar pelas próximas entrevistas e debates. Podem ver alguns vídeos da entrevista AQUI.

Domingo, 16 de Agosto de 2009

Quando a cópia é melhor que o original

Sábado, 8 de Agosto de 2009

Desconvidado

Ferreira Leite exclui Passos Coelho de Vila Real

Há mais PSD para além de Manuela!!  (Digo eu)

 

           A elaboração de listas para qualquer órgão  gera sempre  uma onda de choque entre quem sai e quem entra. Não é fácil. Num partido Político é particularmente difícil.
           Amplia esta dificuldade a ausência de critérios claros e inteligíveis por todos os intervenientes neste processo.  Ninguém percebeu. Não explicou a inclusão de arguidos, a inclusão de uma mulher que não vota em Santana para a Câmara de Lisboa; não justificou a exclusão de Pedro Passos Coelho .
 Refere Maquiavel que:
….”
     Os Príncipes devem atribuir a outros a responsabilidade das decisões mais gravosas e guardar para si as que atraem reconhecimento” …
 
              Foi escrito por Maquiavel, mas pode ser a descrição da actuação de Sócrates em pleno século XXI.
 
                Pelo menos aqui encontro mais uma distinção entre Manuela e Sócrates; a Drª Manuela Ferreira Leite assumiu a total responsabilidade na elaboração final  das listas e fez ela os convites e as rejeições que entendeu. Valha-nos ao menos isso!  
            Eu continuo em campanha: ninguém é "dono do partido", mas nós somos todos responsáveis pelos destinos do país. Eu quero mudar!
Quarta-feira, 24 de Junho de 2009

A entrevista

Manuela Ferreira Leite mostrou,há pouco, na SIC, que felizmente, aquilo que muitos dizem que votar PS ou PSD é mesma coisa, não é verdade, mais, demonstrou que o caminho se faz caminhando sem ziguezagues, que no fim se pode derrotar aquele "animal feroz", que  era invencível e que a receita de ter alguém igual  a ele para o derrotar é errada. Gostei da postura, das explicações e da aula de investimento público.Soube reconhecer aspectos positivos de algumas decisões deste governo, demonstrou que o PSD não é, neste momento "bota abaixista", que tem uma Senhora á frente dos destinos do PSD e que há outra forma de fazer politica que não seja através da demagogia fácil, propaganda e cacique gratuito.Relembrou que não é com os 50 000 militantes que se ganham eleições, mas sim com quem está fora do partido, falou que todos somos necessários para derrotar esta politica que nos está a empobrecer dia após dia e que não é com promessas sem valor que se faz politica.Ficou claro que com este PSD liderado por ela não há lugar a nacional porreirismos, mas sim com trabalho em prol de um País que não está condenado a ser pobre pela vaidade de quem o lidera.

Segui a moção de censura a semana passada, a entrevista de Sócrates na Sic, o debate de hoje e a entrevista de há minutos, sou social democrata, mas não alinho em carneirismos, como tal digo que durante esta semana fiquei completamente esclarecido sobre o que é o projecto PSD para o País e o projecto Sócrates, um projecto de um partido vs projecto de um Homem cada vez mais só, é tipo confundir a estrada da Beira com a beira da estrada, e ainda bem.Não tenho problema nenhum em assumir que em alguns momentos duvidei do caminho escolhido por esta liderança, hoje reconheço que me enganei, siga para Bingo.

Sinto-me empolgado para participar na vitória do meu PSD, este PSD.Obrigado Drª Manuela Ferreira Leite.

 

(também editado no eleições 2009)

Terça-feira, 23 de Junho de 2009

Ler os Outros

Podem dizer o que quiserem, mas quem tinha razão ao advertir para os erros das "faraónicas" obras públicas era Manuela Ferreira Leite, o "jamé" de Sócrates quanto ao adiar do TGV e outros projectos deu num "vamos esperar pelas eleições"...

No "31 da armada" está um bom texto sobre o que disse, em tempo oportuno, Manuela Ferreira Leite sobre o assunto, AQUI.

publicado por Pedro Oliveira às 12:33
endereço do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Maio de 2009

A falta de jeito

Sócrates e o seu aparelho partidário arranjaram um novo slogan para Manuela Ferreira Leite,"não tem jeito para a politica", realmente estes Socialista preocupam-se muito com quem não tem jeito, mas enfim.

O que dizer então do Candidato Vital Moreira, parece um saco de areia de tanta "porrada" que leva, ele é o Miguel Portas a mandá-lo ir ler o tratado de Lisboa, ele é o Jerónimo a lembrá-lo que a Revolução da Educação não passa de barralhar tudo e tudo ficar pior e é ele próprio a tentar dar nas vistas, mas sem qualquer nexo.

Numa altura de crise profunda, em que as famílias estão endividadas e sem emprego, numa altura em que os Países estão com dificuldades orçamentais, o Senhor  Professor Doutor Vital Moreira um dia quer um novo imposto Europeu, ideia com barbas, mas que só falará dele, imposto, em concreto depois das eleições..., e no dia seguinte  já quer mais contribuição dos Países para o Orçamento Europeu.

O que o candidato Vital Moreira devia esclarecer é como é que se reforma a UE por forma a que o Orçamento Comum seja convenientemente distribuido e em que áreas estratégicas porque, caso não saiba, até houve devolução de dinheiro da UE referente ao ano de 2008.

Já para não falar do assunto "tabu", taxa de execução fundos comunitários concretizada pelo Governo PS.

Caso para dizer que em relação à falta de jeito estamos conversados.

 

(também editado no eleições 2009)

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.connosco à mesa

Os nossos convidados

Dr. Miguel Horta e Costa

Eng. Cláudio de Jesus

Dr. Saúl António Gomes

Dra. Isabel Damasceno 

Prof. Júlio Pedrosa 

Cor. Valente dos Santos

 

Os nossos leitores

Ana Rita Sousa

Carlos Sintra

 

O nosso email

 

Siga-nos 

 

.podcast


Curvas do Livramento

oiça os nossos debates

Ed. Zero

Edição 1 - 04/Jun/009

Ed. 1.1 Europeias

Ed. 1.2 Autárquicas

Ed. 1.3 Casamentos Gay

Edição 2 - 30/Jun/009

com Clarisse Louro

Ed. 2.1 Pós Europeias

Ed. 2.2 Legislativas

Ed. 2.3 Autárquicas

Ed. 2.4 PMós 2º Clarisse Louro

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.Últimos Comentários

Special thanks to MrCosmos
The Feedburner expert

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.Quiosque

diários

semanários
  regionais
 
   

.Filme recomendado

 

 

Trailer

 

 

 

.Leitura em curso


A Revolução dos Cravos de Sangue

de Gerard de Villiers

Estamos em Portugal, no rescaldo do 25 de Abril, e Lisboa é um tabuleiro de xadrez onde CIA e KGB jogam uma partida mortal. Os serviços secretos americanos, desesperados por apenas terem sabido do golpe de Estado através dos jornais, esforçam-se para impedir que Portugal caia nas mãos do comunismo. Do outro lado, a KGB tem em mente um plano diabólico e põe em campo os seus melhores agentes. É então que um golpe de teatro promete desequilibrar esta guerra fria. Natália Grifanov, mulher de um poderoso coronel da KGB, está disposta a passar para o Ocidente e a relatar todos os segredos que sabe. Para organizar essa deserção a CIA escolhe o seu melhor agente: Malko Linge. Mas nem ele conseguirá levar a cabo esta missão sem evitar danos colaterais. E é então que, nas ruelas de Alfama e nos palácios da Lapa, entre traições e assassinatos, a Revolução dos Cravos mostra a sua outra face.

E, acredite, não é bonita!

Um thriller soberbo e original, passado no pós 25 de Abril de 1974.


Saida de Emergência

.Contador de visitas

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds