Quinta-feira, 2 de Julho de 2009

Estado da Nação

Hoje a encerrar a sessão legislativa e o mandato da Assembleia da Republica, como é tradição, discute-se o ESTADO DA NAÇÃO.

 
Deixe aqui a sua opinião sobre o Estado da Nação.
 

Que tal este ano ninguém ir de férias, face ao Estado da Nação? Alguém estaria disponível para isso?

 

Em mais uma iniciativa do Público, pode acompanhar e comentar em directo, aqui

estou: a precisar de mudança
tags:
publicado por Luis Malho às 10:50
endereço do post | comentar | favorito
15 comentários:
De Ana Narciso a 2 de Julho de 2009 às 11:21
Um dos asuntos será o alargamneto da escolaridade obrigatória dos , dos cinco anos até aos 18, ou segundo outras forças políticas dos 3 aos 18.
http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1389410&idCanal=58
De Ana Narciso a 2 de Julho de 2009 às 11:29
Ana Bettencourt recentemente eleita pra presidir ao Conselho Nacional de Educação disse que o abandono escolra ainda é um problema em Portugalhttp://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1389535&idCanal=58
De Pedro Oliveira a 2 de Julho de 2009 às 11:49
Hoje na AR vai discutir-se o estado da Nação, o Governo vai dizer que a crise acabou e que estes 4,5 anos foram maravilhosos e não foram mais por causa do Sr. Madoff. A oposição vai tentar desmascarar esta propaganda sistemática de um (des)Governo que prometeu muito e que todos os dias coloca em stanby mais um daqueles magníficos investimentos ou reformas que iriam fazer de nós uma Finlândia.
Portugal é hoje um País que está pior do que estava em 2005, é um País em que a justiça está descredibilizada, em que o combate corrupção não é prioridade. É um País em que a escola entrou no caminho do facilitismo escandaloso (Prof. Nuno Crato), em que não há respeito pelos Professores e em que o Estado faz questão de desprestigiar a classe. É um País em que as escolas só podem ter ou quadros interactivos ou aquecimento, mas todos têm de ter o "Magalhães".É um País onde a saúde entra em ebulição devido a fecho de serviços e de repente, fica tudo na mesma. É um País em que a prioridade é chegar mais rápido 10 minutos ao Porto e tem a sua rede ferroviária a cair aos "bocados". Podia falar dos números económico/financeiros, do desemprego,…..mas estes são alguns exemplos deste (des)Governo de Sócrates. Faço o mesmo convite do Paulo, que os nossos leitores digam de sua justiça sobre o estado da Nação, nestas ou em outras áreas que não referi.

De Pedro Oliveira a 2 de Julho de 2009 às 12:15
nesta altura o défice em 2008 ia nos +-500 Milhões,este ano já vai 4,3 mil milhões, a crise está a acabar....
De Pedro Oliveira a 2 de Julho de 2009 às 14:02
O Estado da Nação:
Nos últimos 4 anos, o nível de vida dos portugueses praticamente estagnou face à média europeia, tendo passado de 74.6% em 2004 para 75.5% em 2008; no mesmo período, o défice externo subiu de 6.1% do PIB para 10.2% e a dívida externa disparou de 64% do PIB para 97.2%, tendo o endividamento das famílias e das empresas subido, entre 2004 e 2008, de 80% para 96% do PIB, e de 116% para 140% do PIB, respectivamente.

A produtividade do trabalho, apesar de uma evolução marginalmente positiva (67% da média europeia em 2004, 70.6% em 2008), continua bastante aquém do que seria necessário), e o número de desempregados aumentou em mais de 100 mil, atingindo o valor mais elevado em 23 anos.

O défice público, que atingia 3.4% do PIB em 2004, foi reduzido para 2.6% em 2008 – acima do défice projectado pelo Governo, de 2.2% – à custa da quebra do investimento público (-1 pontos percentuais do PIB) e do aumento da carga fiscal (que passou de 34.9% para 37.5% do PIB), pois os gastos correntes do Estado, excluindo juros da dívida pública, até aumentaram (encontram-se em 40.3% do PIB, contra 39.3% em 2004): uma evolução não sustentável. Acresce que, excluindo receitas extraordinárias (não repetíveis), resultantes do alargamento do prazo de concessão das barragens já existentes, de novos contratos de concessão para barragens ainda não construída e de concessões no sector rodoviário, que no total ascenderam a EUR 1845 milhões (ou 1.1% do PIB), o défice público de 2008 ter-se-ia situado em 3.7%.

Assim sendo, face ao que sucedia há 4 anos atrás, Portugal é, hoje, um país que praticamente não convergiu para o rendimento médio europeu, está mais endividado e menos competitivo – uma situação que não se deve à crise internacional que atravessamos (que afecta a economia global), mas sim às debilidades estruturais internas, que tardam em ser combatidas como deviam.


in http://www.institutosacarneiro.pt/
De Maria a 2 de Julho de 2009 às 14:26

Boa tarde Sr. Pedro,

Disse tudo ... ou quase ... neste pacote de números não estão os causadores de tudo isto ... esses continuam e assim vão continuar a viver em Liberdade e à nossa custa ...

Portugal ....
De Pedro Oliveira a 2 de Julho de 2009 às 16:38
Está a ser um excelente debate...no twitter.
De Pedro Oliveira a 2 de Julho de 2009 às 17:13
do twitter:
JGAndreIMAGEM DO ANO!!! RT @maverick47: LOOOL Manuel Pinho faz uns cornos com os dedos #deb15
De Eduardo Louro a 2 de Julho de 2009 às 17:22
Depois da maizena para uns vêm uns cornos para outros...
Este ministro precisa de um indicador espetado mais ao lado... (maluco) e de um outro a apontar a RUA.
De Pedro Oliveira a 2 de Julho de 2009 às 17:31
Grande abraço caro Eduardo.
Já anda meia blogosfera à procura das imagens.Este foi o debate mais comentado no twitter, inclusive houve uma "delegação twiteira" na AR.
Nesta altura Rangel faz discurso de despedida da AR. Está muito bem.
Vai deixar saudades.
De Pedro Oliveira a 2 de Julho de 2009 às 17:35
um dos muito twittes de elogio a Rangel:
DiogoCMoreiraTenho que retirar o chapéu a esta declaração pessoal de despedida do Paulo Rangel. Muito bem feito e honra a sua dignidade pessoal.
De Eduardo Louro a 2 de Julho de 2009 às 17:51
Santos Silva vem pedir desculpas, em nome do governo. Logo este, que nem julgaria capaz de tal acto de hombridade e de humildade...

A elegância da despedida de Paulo Rangel contrasta com a arruaça de Manuel Pinho, que não pediu -lui même- qualquer desculpa. Porque, já explicou, está muito cansado por passar noites sem dormir por causa das minas de Aljustrel. Não foi para a RUA mas, pelo menos, já foi descansar.
De Pedro Oliveira a 2 de Julho de 2009 às 17:52
os 10 truques nos debates na AR:

1 - Anúncio de medidas do Governo
"Quero comunicar ao Parlamento três decisões muito importates"
2 - Ignorar perguntas e responder com 'palha'
"O importante é não esquecer que..."
3 - Exigir à oposição que fale do que anunciou
"Ah, sobre isso não diz nada? Não acha importante?"
4 - "Pesada herança" da "direita"
"Porque é que não fizeram quando estavam no Governo? Não se lembraram?"
5 - Rotular os adversários
"O seu partido é um embuste"
6 - A ausência de alternativas
"Diga lá qualquer coisinha. Uma ideia que seja, sr. deputado"
7 - Virar as regras ao contrário
"Tenho uma pergunta para si e o sr. deputado tem de responder"
8 - Atirar com estatísticas
"Acham que qualquer dado que não lhes agrade é manipulação estatística"
9 - Passar a bola aos ministros
"Se não se importa, responde a essa pergunta o sr. ministro..."
10 - O animal feroz
"Seja sério! O senhor quis foi falar do caso Freeport"

http://aeiou.expresso.pt/os-10-truques-de-socrates-para-ser-um-animal-feroz-no-parlamento=f523550

Comentar post

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds