Segunda-feira, 13 de Julho de 2009

Um País eternamente adiado:Novas Oportunidades e o Ensino Superior

Não sou contra, antes pelo contrário, que as pessoas se valorizem ao longo da vida e estudem para melhorar os seus conhecimentos por forma a serem cidadãos mais competentes.

Mas, para quem se esforça e esforçou para estudar e conseguir as notas necessárias para tirar um curso superior, ou quem se esforça e esforçou em ter formações pós laborais de qualidade é um pouco chocante o que se passa neste País, duas histórias reais:

A "Maria" tem 53 anos e o 5º ano, está no programa das novas oportunidades, começou o mês passado, vai ter de fazer um trabalho escrito sobre a sua vida, ler uns textos que lhe vão fornecer e 2 horas de aulas à sexta feira até final do ano (menos Agosto), durante essas aulas vão falar,ela e os colegas, das suas experiências de vida e dar um pouco de matemática,mas "da simples",um pouco de Português através dos trabalhos e o que o Professor vir que precisam.No Final do ano ficará com o 9º ano. Já a convenceram a tirar o 12º ano em 2010...

 

O "Jardel", joga na primeira divisão e já foi internacional, atleta de alta competição, fez o 12º ano pelo programa novas oportunidades e já se candidatou para Medicina via "quotas" para atletas de alta competição...

 

Em vez de se apostar na validação de competências profissionais e aí sim fornecer competências em áreas que as pessoas precisem para serem melhores cidadãos e depois dar equivalências, aposta-se forte nas estatisticas, as pessoas ficam na mesma e o País também.

 

Hoje sabemos que há 52 000 vagas no Ensino Superior para o próximo ano lectivo, como trabalhamos para a estatistica, o que interessa é que aumentaram o número de vagas, agora se os cursos têm ou não saída pouco importa, basta ver que aumentaram as vagas em Enfermagem e Direito, dois cursos com imensa empregabilidade como sabemos.

 

Chego á conclusão que o País se rendeu ao "estudar para quê?".

publicado por Pedro Oliveira às 10:34
endereço do post | favorito
De ricardo a 13 de Julho de 2009 às 12:44
A questão...

Um aluno que faz os exames nacionais ( Dantes temíveis, agora já não sei ). Tinha de passar ás 10 disciplinas (Nota + Ex. N ) / 4 e ter uma nota melhor nas disciplinas especificas necessárias para poder entrar no curso que queria.
Não consegue a média necessária, não entrava.

Um aluno que entra através do Sub 23 pode ter o 9ª ano e tem vagas reservadas para esse efeito no curso que quer apenas tem de concorrer com os outros sub 23 que queiram entrar.

Não consigo ver justiça.

Atenção não sou contra o sub 23, apenas acho qeu deviam de ter outros parâmetros. Na minha opinião os sub23 só deviam de poder entrar na terceira fase e apenas nos cursos e escolas onde as vagas não foram preenchidas.

Exemplo (Enfermagem)

A Ana anda desde os 15 (10ºano) a tentar ter boas notas para que a sua média seja melhor e consiga entra onde quer quando acabar o 12ª ( Aos 18 ). Depois dos exames nacionais.

O Rui tem 24 e não vê escola há 5 anos se fosse fazer o exame nacional provavelmente não iria tirar uma grande nota.


A Ana tira 14,3 de média

A escola em questão tem 60 vagas. Dessas 1/3 é reservado para os sub23.

Sobram 40 vagas

A Ana vai concorrer para elas a nível nacional com os seus 14,3. O universo em questão é de uns milhares.

Infelizmente a Ana não consegue O último aluno(a) a entrar teve uma média de 14,9. Ela ficou para tráz.

O Rui vai concorrer para as 20 vagas com ele foram mais 50 o universo em questão é bastante mais animador 20 vagas 51 concorrentes. O Rui conseguiu entrar, bom para ele.

Agora digam-me se os 14,3 da Ana entre os 51 concorrentes Sub 23 não lhe davam uma garantia bem melhor de ela poder entrar no curso que queria na escola que pretendia.

E isto na minha opinião é bom para o Rui ( Que de certeza o merece ) Mas desolador para a Ana. ( Será que ela o merecia? )

A isto eu chamo injustiça.






Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds