Quarta-feira, 2 de Dezembro de 2009

Tenham vergonha e calem-se!!!

É a doideira completa neste país.

Agora o PS sugere que Manuela Ferreira Leite teve conhecimento das escutas que envolvem Sócrates e Armando Vara.

Um país à beira da bancarrota, também, nos valores democráticos e da decência politica.

publicado por Pedro Oliveira às 16:06
endereço do post | comentar | favorito
8 comentários:
De Bluevelvet a 2 de Dezembro de 2009 às 17:27
Será que a senhora está feita com o Procurador? Ou será com o Juíz de Aveiro?
Ó Pedro, mas se eles não têm vergonha nenhuma, está à espera que se calem?
Nem mortos!
Beijinhos
De Rafael Marcelino a 2 de Dezembro de 2009 às 17:33
Li e Gostei
O POVINHO GOSTA
Gosta de empresas a falir todos os dias
Gosta do buraco de 36 milhões por dia
Gosta de ser aldrabado com promessas de 150000 empregos
Gosta do desemprego nos 10,2%
Gosta da carga fiscal mais alta de sempre em Portugal
Gosta de ter os ordenados mais baixos da Europa
Gosta dos fundos comunitários serem desperdiçados.
Gosta de ter as pescas e agriculturas falidas
Gosta de ter reformas cortadas e até não haver daqui a uns anos.
Gosta duma justiça que é uma vergonha
Gosta de cada vez mais crime violento
Gosta de adjudicações de obras públicas a amigos de cartão do punho
Gosta de derrapagens astronómicas nas mesmas obras
Gosta do compadrio e amiguismo para poleiros importantes
Gosta de não ter urgências nem médicos e de terem de fazer operações ao estrangeiro
Gosta de professores desmotivados e formação de jovens analfabetos.
Gosta do folclore diário de um PM em cimeiras com os amigos dos outros países sem benefícios que se vejam.
Gosta das suspeitas de corrupção que esse mesmo PM tem e que envergonham os Portugueses honrados no Mundo
No fundo não tenho pena nenhuma deste povinho que come, cala e torna a votar neste maravilhosos SOCIALISTAS….
.
Meus amigos, PORTUGAL É PARA ACABAR, É O ABISMO.


Já dizia o saudoso JORGE PRESTELO.
É DISTO QUE O MEU POVO GOSTA
De João Romeu a 3 de Dezembro de 2009 às 13:28
Sr. Rafeal Marcelino gostei do que escreveu. Acabei agora de ouvir na Rádio ,que o banco alimentar este Natal não vai ter géneros suficientes para distribuir, será que num pequeno País como o nosso onde se esbanja milhões, onde empresas vão a falência umas por razões obvias, outras fraudulentas onde os empresários ficam com o seu património, não pagam aos funcionários ,aos fornecedores ao Estado e continuam a ser os Heróis alguns com direito a placas de agradecimento em Igrejas ,( caso da Igreja de s. Pedro) onde existe uma placa de agradecimento a um empresário que deixou muita gente em grandes dificuldades, inclusive obrigou a pequenas empresas a irem para a falência Onde Gestores públicos se esquecem de apresentar a declaração de rendimentos durante anos? Onde se está a construir um centro comercial em Leiria que vai acabar com o mercado tradicional em todo o nosso distrito. País onde se estão a deitar as vacinas para o lixo (Correio da Manha de hoje). Tantas mais coisas que se poderiam apontar como erradas, vivi no Canada durante 13 anos pode crer que o julgamento Casa Pia não durava 7 anos, nem se esta a espera 10 anos que o juiz prenuncia a sentença. POR FAVOR SRS. PSEUDO GOVERNANTES SE NÃO SABEM PERGUNTEM OU COPIEM O QUE SE FAZ DE BEM LÁ FORA MAS FAÇAM ALGO DE BEM FEITO. (Não quero dizer que tudo naquele país e bem feito mas que é um país justo é)
De Rafael Marcelino a 3 de Dezembro de 2009 às 14:26
Meu caro João Romeu, não sei com que periodo de sua vida viveu no Canada, mas no que refere ao caso de Justiça, fique descansado que o caso apontado por si estava tudo resolvido em poucos meses, sem APELO nem agravo e quando toca a crimes económicos fica tudo confiscado na hora e nem familiares escapam. Sabe, porquê?!..eles tem tudo computorizado (Fácil desde que se queira) sabendo a história pessoal em 3-minutos a cada cidadão.
Os casos de reformas é o mais gritante. Não dá para entender como é que um País de fracos recursos paga a pessoas que depois de reformadas (Muitas ainda muito Novas) milhares de Euros mensalmente em que o rendimento para a Nação é igual aos que recebem 200 e poucos euros ou 300, isto é, ZERO.
Deste tema (Pensões)ninguém quer copiar nem gosta de querer saber como é no Canada. Mas isto digo eu...é que o Canada ao lado de Portugal é um País muito pobre.
Aproveito para o saudar como forma cordial e identificada que se dirigio a mim e ao mesmo tempo devo de lhe dizer que falaceu em Montreal dia 28 um cidadão Jovem de 31-anos de seu nome Nelson Cordeiro Callhas,Nativo de S. Bento-Porto de Mós em que o seu Funeral se vai realizar Sexta-f. (Amanhã dia 4 em S. Bento) uma vez que foi trasladado para aí sendo filho de António Calhas e de Maria Lúcia Vasco Cordeiro.
Os meus cumpts e tenha um Santo Dia.
De violeta a 2 de Dezembro de 2009 às 19:44
Isto vai de mal a pior...
De anónimo a 3 de Dezembro de 2009 às 09:21
A discussão na comissao parlamentar mostra a falta de competência discursiva, com excepção do deputado Magalhaes (PP).
*
Sejamos claros:
--deputado ilusório: sr. mnisdtro, o senhor sabe o que significa "espionagem"? 2ª pergunta, se sabe, e parece nao saber, quem sao os espioes? 3ª pergunta: a liberdade de expressao para si inclui o direito a dizer todas as palavras ?
*
Sr. Ministro: o sr. demonstra nao saber o que é espionagem, nem liberdade de expressaoi, obrigado.
De anónimo a 3 de Dezembro de 2009 às 09:23
Qt à moribunda lider do PSD, trata-se de algo ridiculo, pura e simplesmente...nem merece explicação.
*
Há pessoas que pensam que os tribunais funcionam como câmaras ou institutos públicos em que tudo é paleio e fulanos...conhecendo melhor , perceberao quão longe estao da realidade.
De anónimo a 3 de Dezembro de 2009 às 09:49
"
De acordo com Balsemão, o PSD é ou deveria ser um partido reformista, interclassista, para o qual "o valor da igualdade pesa tanto como o da liberdade" e "que aposta na sociedade civil" embora "sem deixar tudo à mão invisível do mercado".

O ex-director do Público José Manuel Fernandes, defendeu que o PSD deveria "fazer evoluir a sua matriz social-democrata para uma matriz mais liberal", assumir a liberdade como "linha central" e apresentar-se como "contraponto" ao dirigismo do Estado na economia que, segundo este jornalista, caracteriza o actual Governo do PS.

Segundo José Manuel Fernandes, o PSD deve dizer: "Aquilo que não queremos fazer é continuar a mandar nas empresas, é continuar a dar tachos, é continuar a colocar os nossos amigos".

Por sua vez, Miguel Morgado sustentou que "o PSD já é e ainda não sabe que é" um partido "muito mais à direita do que à esquerda", porque assim é retratado pelos seus eleitores, "mais conservadores do que progressistas, mais liberais do que socialistas".

Balsemão reagiu a estas duas intervenções recusando "atirar o PSD para a direita" e considerar os sociais-democratas "irmãos-gémeos do CDS".

"Também não me quero fundir com o PS, mas acho que estamos mais próximos do PS, em várias coisas, do que do CDS", considerou.

Também deputado e dirigente nacional social-democrata José Eduardo Martins pediu a palavra para contestar que a solução para o PSD seja "fugir para a direita".

extraído da tertulia no Instituto Sa Carneiro.

O PSD anda completamente à toa...

Comentar post

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.connosco à mesa

Os nossos convidados

Dr. Miguel Horta e Costa

Eng. Cláudio de Jesus

Dr. Saúl António Gomes

Dra. Isabel Damasceno 

Prof. Júlio Pedrosa 

Cor. Valente dos Santos

 

Os nossos leitores

Ana Rita Sousa

Carlos Sintra

 

O nosso email

 

Siga-nos 

 

.podcast


Curvas do Livramento

oiça os nossos debates

Ed. Zero

Edição 1 - 04/Jun/009

Ed. 1.1 Europeias

Ed. 1.2 Autárquicas

Ed. 1.3 Casamentos Gay

Edição 2 - 30/Jun/009

com Clarisse Louro

Ed. 2.1 Pós Europeias

Ed. 2.2 Legislativas

Ed. 2.3 Autárquicas

Ed. 2.4 PMós 2º Clarisse Louro

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.Últimos Comentários

Special thanks to MrCosmos
The Feedburner expert

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.Quiosque

diários

semanários
  regionais
 
   

.Filme recomendado

 

 

Trailer

 

 

 

.Leitura em curso


A Revolução dos Cravos de Sangue

de Gerard de Villiers

Estamos em Portugal, no rescaldo do 25 de Abril, e Lisboa é um tabuleiro de xadrez onde CIA e KGB jogam uma partida mortal. Os serviços secretos americanos, desesperados por apenas terem sabido do golpe de Estado através dos jornais, esforçam-se para impedir que Portugal caia nas mãos do comunismo. Do outro lado, a KGB tem em mente um plano diabólico e põe em campo os seus melhores agentes. É então que um golpe de teatro promete desequilibrar esta guerra fria. Natália Grifanov, mulher de um poderoso coronel da KGB, está disposta a passar para o Ocidente e a relatar todos os segredos que sabe. Para organizar essa deserção a CIA escolhe o seu melhor agente: Malko Linge. Mas nem ele conseguirá levar a cabo esta missão sem evitar danos colaterais. E é então que, nas ruelas de Alfama e nos palácios da Lapa, entre traições e assassinatos, a Revolução dos Cravos mostra a sua outra face.

E, acredite, não é bonita!

Um thriller soberbo e original, passado no pós 25 de Abril de 1974.


Saida de Emergência

.Contador de visitas

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds