Terça-feira, 27 de Abril de 2010

Abril! Sempre!

Não retiro uma linha ao que escrevi há 3 anos  sobre Abril.

 Apenas acrescento que a situação desatrosa do País , transforma o ideal de Abril ainda mais forte!

 

" Eu gosto de lembrar Abril em especial o dia 25 de Abril.

Em primeiro lugar porque me transporta a um tempo e a uma época onde o meu tempo e o meu modo eram profunda  e inexoravelmente  jovens e diferentes. Em segundo lugar porque  é uma data a “inscrever” ( José Gil ) na nossa consciência colectiva.  Hoje trinta nos depois , já conseguimos  dizer sem medo , que Abril foi necessário até para ver o que conseguíamos fazer com a Democracia , em Democracia e pela Democracia. Abril foi necessário para  que as gerações mais jovens pudessem dizer sem medo que viver em Democracia é tão natural como respirar. Mas tem custos .

 É bom recordar para aferir  de onde partimos e onde ainda não chegámos. 

As gerações anteriores resolveram  alguns problemas  em especial a falta de liberdade e de  espírito democrático . As gerações seguintes ficaram com a responsabilidade de afirmar e consolidar o que foi adquirido  e resolver  os outros problemas do País. E  há décadas que são os mesmos. A educação, a economia   o bem –estar social . 30 anos depois, na educação ,  continuamos por resolver um problema herdado da revolução de Abril – o ensino técnico - profissional -.   Na Economia continuamos por resolver  o dilema entre repartir riqueza e produzir  riqueza  e por isso não nos desenvolvemos.

Permanece por resolver o problema de muitas famílias  e de muitos jovens que sabem muito bem conjugar o verbo ,  pedir , mas desconhecem outros verbos  como empreender , intervir e criar. Com tantos problemas por resolver , às vezes apetece perguntar “ Valeu a pena ?”

As opiniões dividem-se.   Há quem tenha sofrido brutalmente, vítima da inveja  e da intriga que em Portugal sempre foram prolíferas.  Mas também aconteceram fenómenos espantosos, como por exemplo: gerações inteiras que no espaço de 30 anos passaram de avós analfabetos para netos doutores e ministros. Houve avanços  na tecnologia  e aumento  de padrões de consumo que intrigam qualquer economista em qualquer parte do mundo . E foi tão rápido e tão forte que é possível ainda  co-existirem dois mundos tão diferentes no mesmo Portugal . È possível filmar uma mulher de xaile e lenço na cabeça  a caminho do mercado com um cesto à cabeça e obter uma imagem de uma outra mulher  imersa em dossiers a debater os mais intrincados problemas da actualidade,  a liderar uma equipa de quadros altamente qualificados . E tudo isto existe, tudo isto é não é triste e tudo isto não é fado . É o resultado  de  um  processo  que   mudou a face de um País  muito pobre com algumas bolsas de riqueza . Um País  que  não fez uma transição gradual para outras épocas e outras forma  de estar.

Por estas e outras razões , não é fácil governar Portugal.  Mas é um desafio. E a bola está do lado do Partido Socialista. Provem que sabem governar. Provem que valeu a pena."

 

                           Jornal de Leiria - 2007

 

tags:
publicado por Ana Narciso às 08:00
endereço do post | comentar | favorito
4 comentários:
De Anómico a 27 de Abril de 2010 às 16:56
Tem andado triste e sem grandes visitas, estamos quase ás portas de mais uma assembleia para a srª ter algum protagonismo e fazer mais uma das suas peixeiradas, o que terá desta vez na manga, vamos aguardar...
De Ana Narciso a 27 de Abril de 2010 às 22:56
esteja atento!!
De Maria Antonieta a 28 de Abril de 2010 às 16:53
Meu caro anónimo lamento dizer-lhe que não é com comentários destes ( ainda por cima encobertos com a capa do anonimato) que o senhor ajuda este concelho.
A senhora deputada está na assembleia por direito próprio concedido pelos votantes e para expôr as idéias em que acredita não faz peixeiradas.
Não lhe fica bem nem sob o ponto de vista cívico nem de educação utilizar tais termos.

De Ana Narciso a 30 de Abril de 2010 às 11:10
Obrigada , Antonieta. Clareza na argumentação para colocar a discussão no patamar devido; argumentação civilizada, embora possa ser dura. Mas não tem de ser nem ofensiva e nem sem educação.

Comentar post

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds