Terça-feira, 6 de Janeiro de 2009

Entrámos em recessão

  Foi , hoje anunciado, pelo Doutor Vitor Constâncio que entrámos  na crise. Contudo,o  orçamento de estado( recentemente aprovado ) aponta  para um crescimento de mais de  0,6!!! Mas afinal quem faz as contas do Estado? Eu já ofereci uma máquina de calcular, mas  seguramente não chega!

 

estou:
publicado por Ana Narciso às 17:21
endereço do post | comentar | favorito
11 comentários:
De salvoconduto a 6 de Janeiro de 2009 às 20:18
Talvez seja melhor uma ardósia e um pau de giz e polos novamente a aprender a fazer contas...
De Rafael Marcelino a 6 de Janeiro de 2009 às 22:08
Recessão?!, afinal sempre se viveu em Portugal na recessão. Os Desempregados, SMN e pensionistas dos 300.
Resto é tudo tretas...tretas
De Ricardo a 7 de Janeiro de 2009 às 02:14
Num qualquer site de teorias de conspiração, absurdas, ou não.

Eis a minha teoria.

Bem as eleições estão próximas temos um bode expiatório de qualidade.... Tanta é, essa qualidade, que nós portugueses (pelo menos eu) até o consideramos um homem de coragem, empenho, dedicação, bom senso e profissional. (Rapidamente mudei de ideia), quando o ouvi em pleno parlamento a dizer que a corrupção é normal em qualquer sistema, logo no dele também pode acontecer ( Foi o que ele quiz dar a entender).
Sendo assim vamos dar a entender um crecimento superior a ...,....6 Tem obrigatóriamente de acabar em 6 para dar a entender, que isto, com arredondamento estamos quase lá.

No parlamento o nosso "ser superior" ( Sócrates ) trata do assunto, e TRATOU.

De seguida aparece dinheiro, (a rodos) para o BPN, BPP, Hospitais empresa etc.

Depois chamamos "alguem fora de suspeita" (Vitor constâncio) a responder sobre isto.

Deixamos acalmar as hostes..........






E largamos o "supremo ser" (Vitor) a dizer aquilo que o nosso "Ser Superior" (Sócrates) Não pode dizer.


ESTAMOS EM RECESSÃO..... oficialmente.

Isto não vai lá com máquinas de calcular. Experimentem oferecer-lhes o "Risk" para ver se eles conseguem engendrar melhores estratégias.

Eu por mim........ Só as pedia mais coerentes, entre si.
De Sabiam??? a 7 de Janeiro de 2009 às 04:25
Recessão???

MARIA DIONÍSIA CORTÊS RODRIGUES MARQUES 2286,52€

ELISA MARIA FERREIRA ALMEIDA LEÃO 2285,64€

MARIA ANGÉLICA CARVALHO FILIPE 2623,37€

MARIA HENRIQUETA S. C. CORDEIRO ESPERANÇA 2609,44€

Estas são as REFORMAS de 4 professoras do nosso concelho, como estas há uma grande lista todos os meses em http://www.cga.pt/listamensalDR.asp

Onde está a recessão??? Pessoal que se esfalfa a trabalhar para depois receber pouco mais do salário mínimo e depois dos 65 anos receber menos de 300 euros de reforma UNI-VOS!!! ISTO É MOTIVO PARA COISA MAIOR DO QUE UM 25 DE ABRIL!!!

ISTO E BRINCAR COM QUEM TRABALHA!!!
De Ana Narciso a 7 de Janeiro de 2009 às 19:09
Eu conheço-as e conheço também o trabalho , a dedicação e o empenho que todas elas tiveram durante a sua actividade profisional. Deixaram o seu lugar para ser ocupado por outras colegas e isto é vergonha ? Descontaram sempre, trabalharam sempre ... e isto é vergonha?????Vergonha é ser jovem , não quere trabalhar , não ter doença e viver do rendimento mínimo. Isso é uma vergonha e uma chaga ncional.
De Paulo Sousa a 7 de Janeiro de 2009 às 20:09
É mais objectivo debater estas questões sem as personalizar. Conheço duas das pessoas referidas, sendo que uma foi minha professora primária e me merece grande respeito, mas...
O direito à reforma não é posto em causa se comparar-mos reformas de 2.600€ com outras de 260€.
Conheço septuagenários que trabalham desde os seis ou sete anos, ainda hoje trabalham para ajudar o sustento da casa, e que recebem 200 e poucos euros.
Algo não está bem nesta desproporção de valores.
Podemos ainda ver a coisa noutro prisma. Quantas pessoas no activo são necessárias para acumular descontos mensais suficientes para que a Seg Social consiga entregar mensalmente 2.600€ a um só beneficiário? No actual cenário conjuntural de crise, e estrutural em termos de de envelhecimento da população, este cenário é viável durante quantos anos?
Mais umas vez, não são as pessoas que se questiona, mas sim o equilíbrio e a sustentabilidade do sistema.
De Ana Narciso a 7 de Janeiro de 2009 às 21:17
Concordo consigo, Paulo. O PSD há vários anos que propõe um sistema diferente sempre rejeitado pelo PS. É absolutamente injusto que um funcionário público não possa escolher e preparar a sua aposentação. Alterar abruptamente estes descontos é altamente lesivo das espectativas das pessoas, mas manter este sistema não é sustentável. Há muitos anos que defendemos outro.O que não pode acontecer é que sejam os professores outra vez " o bode espiatório " desta situação.
De Paulo Sousa a 7 de Janeiro de 2009 às 22:11
Sejam professores, sejam militares, sejam políticos, ou sejam outros, para evitar a ruptura, ou simplesmente adia-la, alguém dos que auferem estas reformas seis ou sete, ou dez vezes o SMN terá de receber reformas aquém das suas expectativas.
É que havendo uma ruptura o septuagenário que recebe 200 e poucos euros também irá ser prejudicado.
Se fossemos governados por políticos responsáveis e com coragem o ciclo seria interrompido.
Assim, resta-nos continuar nesta dança das cadeiras à espera que a música pare e que depois já não hajam cadeiras. Alguém vai ficar de pé, é só uma questão de tempo.
De Anómico a 9 de Janeiro de 2009 às 00:33
Caro "SABIAM"
Tenho pena que só tenha acedido a reformas de professores, daqueles que todos os dias tentam fazer dos alunos (dos seus filhos ou dos seus netos) cidadãos responsáveis e construtivos do saber, o que é uma grande responsabilidade nacional.
Pena que nessa lista não tenha encontrado os valores das reformas de ex Presidentes da Câmara, de ex políticos (que depois continuam a exercer actividades em empresas privadas), de militares, de médicos, de gestores bancários.
Aí é que poderíamos fazer uma visão geral.
Só um cidadão mal formado consegue fazer tal crítica, pois é notório o quanto desvaloriza o papel da educação e por isso chegámos ao fundo: nos valores morais, éticos, sociais e económicos.
Ao seu registo eu não chamaria comentário mas sim inveja.
Não é com gente que pensa assim que alguma vez verei o meu país melhor!
Por outro lado acho muito abusivo a divulgação destes ou de quaisquer nomes.
De Paulo Sousa a 7 de Janeiro de 2009 às 08:41
Lembram-se da história do Pedro e do Lobo?

Se Vítor Constâncio diz que, apesar da crise, irá haver um aumento do rendimento disponível das famílias, é caso para ficarmos mesmo preocupados, pois a ver pelas suas habituais previsões, isso significa exactamente o contrário.
De Ricardo a 7 de Janeiro de 2009 às 11:50
Sr. Paulo Sousa gostei dessa analogia.

Pedro e o lobo.

É das mais usadas na politica.

Há uns meses falou-se de um aumento absurdo na E.D.P ( cerca de 19% ) No fim já se acalmou as hostes.

Aumentos de 19%, j'amais isso foi um boato qeu andou a correr na comuncação social. Mas nada disso o aumento é só de 5%.

Orçamento de estado...

A nossa economia está boa e recomenda-se, tivemos um crescimento superior ao que .............. (não me lembro da sigla) nos disse.

Passam menos de 3 meses....

Preparam-se portugueses pois os piores anos estão para vir e temos de nos precaver pelo menos dentro do possível.
Agora, sim estamos em recessão oficialmente e possivelmente vamos ter uma baixa de 0,8%

Aguentem-se, eu das duas uma:

Ou vou passar a época natalícia em familia por veneza ao lado do Sócrates

Ou vou visitat o Oliveira do bpn aos seu luxuosos aposentos, pudera com o desfalque que ele deu e eu deixei deve lá estar uma recompensa á minha espera.

Pois em qualquer sistema a corrupção está patente.

Já agora os comandos da BT foram destituidos. É uma questão de poupança e assim poupa-se os euros nos quadros de comando.

A verdade...

Sim os 4 ou 5 postos de comando da BT acabaram.( Lisboa, Porto, Coimbra, ..........., .........) Mas em contrapartida vamos por um oficial (Minimo coronel) em cada um dos distritos.

Eis a poupança.

Comentar post

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds