Sexta-feira, 23 de Janeiro de 2009

Viva a transparência, Viva!!

Assim está bem!!! sempre fomos uns maldizentes, nós, o povo, tinha a mania de dizer que as Câmaras adjudicavam as obras sempre aos mesmos, que compravam as coisas mais caras aos amigos, isto tudo no "suponhamos",na base da intriga e da calúnia, agora é só clicar e ...vão lá ver com os vossos olhos.Façam como eu, atravésDESTE LINK, é só dar uma "volta a Portugal"  e deixem-se surpreender. Viva a transparência!!!

estou:
publicado por Pedro Oliveira às 07:05
endereço do post | comentar | favorito
15 comentários:
De HB a 23 de Janeiro de 2009 às 09:44
"PSD contra aumento de 2,9% na função pública devido à crise"

DN 20090123
De Pedro Oliveira a 23 de Janeiro de 2009 às 10:06
Meu caro Hugo,
Não sou contra as pessoas ganharem mais 2.9%, o que me incomoda é ver todos os dias fábricas a fechar, pessoas com ordenados em atraso, há vários meses, e como é o caso da xana, que não é aumentada vai para 4 anos, mas ao menos tem o seu posto de trabalho e os colegas também.Perante isto e sem olhar para o umbigo de cada um, que se tire a conclusão se o aumento de 2.9%(ano de eleições) é ou não um exagero.
abraço
De HB a 23 de Janeiro de 2009 às 10:26
Mas se calhar devíamos analisar a situação à luz dos últimos 10 anos. E a relação directa entre os aumentos salariais da função pública e a inflação. E já agora comparar a inflação prevista na altura da definição dos aumentos e a inflação real do ano. E isto, em ano de eleições e nos restantes (com PS ou PSD/CDS à frente do executivo).

É exactamente por não ter uma postura de "olhar para o umbigo" que penso que se deve acabar com esta perspectiva sectária do público vs. privado e do "eu trabalho no privado é que sei como as coisas são más e vocês que trabalham no público deviam estar tão mal como nós!". Eu conheço alguma realidade do sector privado (mais comércio e call centers) e sei muitos dos problemas que enfrentam os seus trabalhadores (para além dos baixos salários). Mas é pela aproximação do sector privado ao público que se deve lutar. E não o contrário.

Abraço
hb

ps: quem é que escreve posts às 7 da matina?!?!
De Pedro Oliveira a 23 de Janeiro de 2009 às 12:17
Infelizmente, hoje temos mais esta noticia:

O Económico avançou hoje que a Qimonda, a maior exportadora nacional, vai entrar em processo de falência e que o empréstimo de 100 milhões de euros que envolvia os bancos portugueses Caixa, BCP e BES não se concretizou devido a problemas com as autoridades alemãs.
são 1800 postos de trabalho.

De HB a 23 de Janeiro de 2009 às 12:45
Sim.. mas não quererá isso dizer que as políticas que andamos a implementar ao longo das últimas décadas são erradas? Não será essa mais uma das tristes faces da falência do sistema?
De Kuka a 24 de Janeiro de 2009 às 21:57
Caro colega,

não julgo que seja justo contestar qualquer aumento à função pública depois de tantos anos a sofrer na pele os aumentos fictícios. Aliás, como veremos no decorrer deste ano, este aumento não será o suficiente...
A meu ver são estes comentários generalizados (como no caso da profissão do professor) que criam junto da população ideias injustas e a perda de respeito pelos trabalhadores. Basta ouvir uma qualquer conversa de café para se perceber como a "função pública", o "professor", o "político", entre outros, são muito mal tratados e há-de concordar que as opiniões em espaços públicos contribuem muito para isso, logo devemos ser responsáveis a emitir este tipo de opiniões.
Não quero parecer moralista e aceito muito bem discutir este assunto com quem tem opinião contrária. Para que fique claro, eu não trabalho na função pública e a única vez que o fiz não recebi, nem tive o apoio das comunidades (professores e políticos) que aqui referi/defendi.
A mim preocupa-me que pessoas como eu não possam trabalhar naquilo para que tanto trabalharam/estudaram/pagaram... a mim revolta-me que para reduzir "custos" tenham deixado de pagar aos professores estagiários e que NINGUÉM tenha apoiado esta "classe indefinida" (já não são estudantes para receber bolsa, nem professores para receber salário). Contudo, continuam a exigir trabalho, dedicação e presença constante na escola.
Gastaria todas as minhas palavras, se necessário, para Vos demonstrar a minha revolta mas penso que o essencial ficou explanado...
Abraço
De AP a 23 de Janeiro de 2009 às 10:22
Um link muito giro, sem dúvida!
Já era hora de vermos o que sei vai passando por este país fora.
E por aquilo que já vi é caso para dizer: há coisas fantásticas, não há?!
De Anómico a 23 de Janeiro de 2009 às 14:18
O link é giro... mas enganador.
1. Leiam as Perguntas Frequentes do sítio da Transparência AP e ficam a perceber, como eu, que estas listagens tem muitos ses.
2. O arquitecto em causa é da Marinha Grande e diz que apenas fez o projecto da Casa Velório de Porto de Mós.
Não desconfiando da palavra do arquitecto, ficamos sem saber se aqueles dinheiros das bicicletas foram realmente gastas, e se foram, a quem foram pagos...
Olhem, só tenho a dizer que a transparência é pouco transparente...
Alguém se quer dar ao trabalho de investigar ou esclarecer isto?
Abraço
De Platypus a 23 de Janeiro de 2009 às 16:10
Pode trabalhar na Marinha Grande, mas é um Portomosense de gema.
De Anómico a 23 de Janeiro de 2009 às 18:48
Eu diria que é um "corredourense" de clara!
De Anonimous a 23 de Janeiro de 2009 às 18:47
Vão ler este artigo do "Sol" pode ser que vos esclareça!
-Site de «transparência» com erros e compras milionárias - 19/01/2009
http://sol.sapo.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=123481
De anónimo socialista a 23 de Janeiro de 2009 às 22:06
Este é um caso para ser visto pela inspecção.
O que é que o arquitecto fez no Downhill?
Fez o desenho do prémio? foi bem pago.
Será que tem alguma fabrica e produziu os prémios?
Será que é o pagamento do projecto da casa velório, e dividiu-se o valor com aquela justificação?
Será que exite projecto para a casa velório?
Onde vai ficar?
Já agora, quem recebe os 75€ que os familiares dos defuntos,pagam ás funerárias?
Os herdeiros do Dr Prudêncio recebem uma renda,com um valor razoável?(umas centenas de €)
Quem paga?
A Câmara?
Ou a camara paga á misericordia, e esta, é que paga a renda?
Salgueirices, mas digam lá que não gostavam de saber as respostas??
Viva a transparência!!!!!
De Anómico a 26 de Janeiro de 2009 às 10:20
Bom Dia,
Ao ler o tema posto a debate sobre "Viva a Transparência, Viva!!" não posso ficar indiferente ao mesmo, nem deixar de esclarecer que ao Arquitecto André Ferreira da Silva, a Câmara Municipal de Porto de Mós, apenas adjudicou o Projecto da Casa Velório de Porto de Mós no montante de 19.607,00€. As outras três publicações que se encontram na base.gov, para a contratação pública, referentes ao Arquitecto em causa não estão correctas. Tratou-se de erro administrativo, que assim que detectado foi solicitada a sua anulação, mas apesar dos emails já enviados ainda não foram os registos em causas eliminados da referida Base. Sem outro assunto estarei à disposição para qualquer esclarecimento.
A Chefe de Divisão
De Pedro Oliveira a 26 de Janeiro de 2009 às 10:53
Como autor do post,fico satisfeito por este esclarecimento deveras oportuno.
Se puder esclarecer as outras adjudicações, a quem e quanto, ficaríamos ainda mais agradecidos.
Obrigado em nome do Vila Forte
De Aleluia a 26 de Janeiro de 2009 às 10:46
Finalmente a Câmara fala neste espaço
Parabens

Comentar post

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds