Quarta-feira, 28 de Janeiro de 2009

Relatório dito da OCDE afinal foi encomendado e pago pelo Governo

"Solicitado pelo Ministério da Educação (ME), este estudo corresponde a uma avaliação intermédia, realizada durante a fase de implementação das reformas, com o objectivo de verificar se as medidas desenvolvidas estão a atingir os resultados previstos e se as estratégias adoptadas devem ser ajustadas em função da experiência. Liderada pelo professor Peter Matthews, esta avaliação seguiu a metodologia e a abordagem que a OCDE tem utilizado para avaliar as políticas educativas em muitos países-membros, ao longo dos anos, com resultados positivos". 

 

Saber tudo AQUI

Sábado, 10 de Janeiro de 2009

Não cumpriu!

 

A Carta Educativa apresentada com pompa e circunstância a 29 de Maio de 2007 tinha esta e outras fotografias comprovativas do elevado estado de degradação das instalações da Eb2 Dr Manuel de Oliveira Perpétua. Este espaço (Anfiteatro) continua na mesma. O frio  e a chuva continuam a degradar o resto.

Salva-se a Biblioteca que mereceu uma intervenção de fundo e é hoje o sítio mais procurado pelos alunos.

 

Para memória futura :         

 

"Ao nível do reordenamento da rede educativa do 2º CEB, propõe-se a manutenção da situação existente para a escola de Mira de Aire e a relocalização da escola de Porto de Mós. Esta última sugestão é feita com base não na pressão de população escolar, mas sim tendo em conta o estado de degradação das instalações (fotos 1, 2 e 3), a falta de estacionamento para professores e funcionários, os maus acessos, nomeadamente pedonais, e ainda, a perigosidade associada à via principal de entrada e saída da escola – EN 243, que regista um fluxo de tráfego muito intenso."

 

Em 2009, a oito meses de terminar o mandato, este executivo deixou-nos sem estacionamento, com instalações degradadas e acessos com poucas ou nenhumas melhorias.  Sofremos pó e barulho para a colocação de ecopontos !!!!

Salva-se a Biblioteca que mereceu uma intervenção de fundo (pelo Ministério da Educação e não por outra entidade) e é hoje o sítio mais procurado pelos alunos.

Ah! é verdade aumentou-nos os passeio à entrada da escola ... muito apropriado para os carros estacionarem.Hélas!!

Entretanto batemos o dente no Inverno ; no Verão destilamos com calor.

Mas mais grave ainda é o seguinte: nem houve melhorias na Escola Secundária para receber mais alunos e professores nem houve intervenção de fundo na EB2. Através dos números e das candidaturas falhadas que o Jorge aqui nos trouxe,  acrescento mais esta: O  período de candidaturas para a  requalificação do parque escolar foi encerrado a 7 de Julho de 2008.  Já foram publicadas as candidaturas  (veja aqui) aprovadas no montante de 111.131.585,79 €.  Para Porto de Mós nem projecto nem cheta!!

Também não se candidataram  às três fases anteriores!!

As ilusões pagam-se caras!

 

estou:
música: Educação
publicado por Ana Narciso às 20:05

editado por Autores do blog às 22:27
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (4) | favorito
Terça-feira, 25 de Novembro de 2008

Pensamentos perversos sobre a Educação

 

Desabafos de Professores:
 - A nossa luta é contra esta Ministra
 - Agora já não posso faltar
 - A Ministra é um Cadáver político
 
Reivindicação dos Alunos:
 - A Malta é Jovem tem que faltar
 
Perguntas de um pai ingénuo:
 - Quantas pessoas dos 120 Mil, eram professores?
 - É legitimo as escolas terem panfletos sobre manifestações?
 - O Sr. Mário Nogueira, “manda” em todos os professores?
 - Os Professores estão todos de acordo com o Sr. Mário Nogueira?
 - Face a tal descontentamento e injustiça, quantos Professores abandonaram a sua profissão?
 
Propostas demasiado simplistas:
 - Atribuam um “dono” às escolas

 - Deixem os pais escolherem livremente a escola dos seus filhos

Prémio Nacional do Professor

«"Eu estou incondicionalmente a favor de ser avaliada". E gosta deste modelo? "Há nele alguns problemas ainda por resolver...", concede, preferindo pôr-se no lugar de entrevistadora: "Foi decidido que, afinal, os resultados dos alunos não contam para a avaliação. Se não contam, é porque, afinal, não são muito relevantes. E se não são, por que é que hão-de ser levados em conta mais tarde?". Depois, recuperando a cautela, ressalva: "É uma incongruência que não consigo perceber, mas, se calhar, é uma dificuldade minha".»


Excerto de um artigo do Público sobre a atribuição do Prémio Nacional do Professor a Jacinta Moreira que lecciona na Escola Carolina Michaëlis

Ao ler o artigo acho que a professora está quase incomodada com este prémio. No mínimo não está radiante. 

Cada escola terá a sua cultura organizacional, mas olhando para a ideia que tenho de um estabelecimento escolar dito normal, palpita-me que este prémio em vez de estimular as boas práticas poderá ser o ponto de partida para que Jacinta Moreira seja discriminada pelos colegas.

Num sistema de ensino em que os resultados dos alunos não contam para a avaliação não faz sentido existir um prémio como este. Ou se premeia o mérito e isso aplica-se aos alunos e passa por uma avaliação responsável com quadro de honra afixado, ou então conduz-se bons, médios e maus para dentro dos 'curros' da medianização.

Terça-feira, 18 de Novembro de 2008

A (des)Educação em Portugal

 

 

Assisti, no sábado, a duas situações que para mim eram impensáveis, poderem acontecer .

 

 O meu filho mais velho, este ano, decidiu jogar Futebol depois de estar 7 anos no Judo. Por motivos de horários, condições de treino e corpo técnico, decidimos que o João fosse para a Academia do Sporting na Marinha Grande.

O responsável pela Academia, é uma pessoa que tem o maior respeito pelos pais das crianças e que coloca logo os pontos nos "iis" em relação ao nosso comportamento, dos pais, quer nos treinos quer nos jogos, percebi no sábado porquê.

Sábado de manhã jogo treino dos sub-13, fui ver o jogo, o do João foi à tarde, o jogo correu mal para a equipa visitante e os pais dessa equipa não paravam de mandar bocas aos seus próprios filhos, e aos treinadores das duas equipas, chegando ao ponto de um dos treinadores da Academia do Sporting ter chamado a atenção a uma das mães,  que estavam ali para treinar os miúdos e que a senhora estava a perturbar o jogo treino. Acumulando isso,a chamada de atenção, com os 10 a zero da equipa onde o seu filho joga, no fim do jogo essa senhora não tem mais nada, entra dentro do campo e dá duas chapadas ao treinador do SCP. Vergonhoso, eu próprio, não sei se tinha a calma do treinador que simplesmente pediu que retirassem a senhora do campo.

 

Á tarde o jogo do João, boa estreia para quem nunca tinha jogado futebol "a sério", duas assistências e um golo de cabeça, temos levezinho.... A equipa adversária tinha um conjunto de treinadores que estão, também, a educar crianças com menos de doze anos, os palavrões, as ameaças de castigo por um lance que correu mal e principalmente a nítida falta de competência para lidar com crianças, culminou numa valente chapada que o treinador deu a um jogador só porque ele, o jogador, tinha falhado uma oportunidade de golo e quando o treinador o substituiu o rapaz disse que não tinha marcado porque o árbitro estava á frente dele, é evidente que o rapaz não falou de forma calma, mas o treinador com aquele gesto á frente de todos, mostrou claramente que anda gente muito mal educada a cuidar dos nossos filhos.

 

Como é evidente a minha mulher que até não foi de acordo com a mudança do Judo para o Futebol, depois destas duas cenas ainda ficou com mais dúvidas em relação à mais valia do futebol na ajuda do crescimento do João como Homem. Vale que a Academia do Sporting na Marinha Grande, até agora, tem demonstrado que é diferente nestas situações.

Uma mãe a bater num treinador e um treinador a bater num miúdo, infelizmente, mostra bem em que nível estamos quando falamos de educação, em Portugal.

 

 

Domingo, 16 de Novembro de 2008

Ovos sobre a ministra

Sobre este episódio gostei de ler este texto de Nuno Castelo Branco.

Os professores que apaludiram este acto esquecem-se das agressões de que são vítimas, porque já não há respeito!!!

 

Terça-feira, 4 de Novembro de 2008

Os Portomosenses Merecem (o) Melhor

O blog, Vila Forte, nasceu da vontade de 5 Portomosenses que gostam da sua terra, de uma boa discussão, de estar juntos, de pensar no amanhã e principalmente gostam de colocar as nossas/vossas cabeças a pensar em prol de um desenvolvimento que achamos,os 5, que Porto de Mós MERECE.Como tal, apostamos na realização de palestras viradas para a Educação, para a inovação e para uma visão diferente do que tem sido o Concelho nos últimos anos.Não queremos desvalorizar o trabalho de quem esteve no poder nos últimos 30 anos,mas pensamos que há mais gente em Porto de Mós com capacidade para gerir os destinos da terra, que uma simples dança de cadeiras ou um voltar ao passado.

Porto de Mós, deve apostar nas suas crianças,nos seu jovens, ou seja, na sua formação.Já sabíamos,mas as palestras com os Professores António Câmara e Júlio Pedrosa, vieram reforçar essa necessidade imperiosa de dotarmos os Homens de amanhã, com ferramentas e condições para que eles possam ser, também, os gestores do nosso Concelho em termos politicos.

 

Os Temas:  educação,  vilas criativas, parques tecnológicos,escola profissional, marca Porto de Mós, parques para as famílias,Universidade Sénior,sistemas de qualidade certificados, orçamento participativo, reestruturação administrativa do Concelho, Associação de Freguesias, localização Casa mortuária Porto de Mós, AEC's,..mais e muito mais assuntos que foram aqui lançados nos últimos 2 anos,ver histórico do blog,têm como finalidade o olharmos de forma diferente o hoje para melhorarmos o amanhã.As várias ideias que quisemos colocar  em cima da "mesa", ao fazê-lo, deixaram de ser "nossas" e passaram a ser de todos nós que queremos um Porto de Mós  MELHOR.Este fim de semana, alguém muito próximo de mim, me disse que o Vila Forte andava a dar ideias aos outros e que ainda por cima eramos mal tratados pelo executivo e pela oposição, que eramos o bode expiatório para muita coisa que se passa em Porto de Mós e partidos politicos.Por mim, se nos programas eleitorais, de que partido for, encontrar ideias aqui lançadas no Vila Forte fico satisfeito, cumpri a minha obrigação como cidadão,sem ressentimentos, rancores ou cobrança do quer que seja.Nestes dois anos escrevi no Vila Forte a minha opinião sobre vários assuntos, dei ideias e denunciei algumas coisas que sabia estarem mal,assim continuarei,não preciso,felizmente, de ser seguidista, nem de palmadinhas nas costas, nunca fui queixinhas, nem precisei de enviar recados a ninguém, digo o que penso e sinto.Sendo o Vila Forte um espaço onde escrevo o que me vai na alma e, porque me revejo  nas opiniões das outras 4 pessoas que constituem a equipa do Blogue, não precisamos de andar a mostrar solidariedade ou o quer que seja uns aos outros, somos AMIGOS e ponto final.

 

Por isto tudo e, porque as nossas crianças merecem tudo de bom,porque participamos,Porto de Mós,  no "Leiria Região Digital",porque o Governo quer Banda Larga em todas as escolas e principalmente porque não admito que coloquem em causa  os principios pelo qual o Vila Forte se rege ao realizar determinadas acções, Fiquei chocado ao saber/confirmar, que uma das razões pelo qual um dos infantários do nosso Concelho não tem banda larga, foi pelo facto de em conjunto com um blog de Leiria termos ido visitar esse infantário,no Natal de 2007, e termos estado a passar um tarde feliz com eles.

É uma atitude que não dignifica o cargo de responsabilidade politica de quem toma decisões na área da educação e, lamentavelmente, prejudica quem não tem culpa que os Adultos ás vezes se comportem como crianças,com BIRRAS!

 

Deste modo, peço humildemente, a quem de direito, que reconsidere a decisão tomada e que proporcione as condições  de acesso à net a todos os meninos do Concelho por forma a estarem em igualdade em relação aos outros meninos dos outros concelhos.Os nossos Filhos merecem TUDO de BOM, incluindo a igualdade de oportunidades para APRENDER!

Sexta-feira, 31 de Outubro de 2008

Os contentores da Ministra

         Há cerca de um ano a Ministra deu uma verdadeira lição  ao ar livre sobre a forma de liderar comportamentos inadequados.

   Hoje brindou-nos com outra definição fantástica!

   As crianças têm aulas em contentores? 

   Errado! Monoblocos  climatizados !!!!!!!!!!!!!!!!!

estou:
publicado por Ana Narciso às 19:39
endereço do post | comentar | favorito

Palestra com o Prof Júlio Pedrosa

Para quem não esteve presente, ou para ouvir de novo aqui fica o registo audio da Palestra do passado dia 24 de Outubro, com o Prof. Júlio Pedorsa.

Este registo ficará sempre disponível aqui ao lado.

Logo que estejam editado as imagens da ZonaTV também aqui terão um espaço, assim como contamos disponibilizar brevemente o registo audio da palestra do Prof. António Câmara.

Espero que gostem.

 

Quinta-feira, 30 de Outubro de 2008

Avaliação de Desempenho Docente

        Hoje , numa reunião informal de professores, senti-me reconfortada  e acompanhada na contestação a um modelo de avaliação impraticável. Não há doutrina, prática , conhecimento, formação e informação adequadas que  nos permitam acatar com serenidade uma avaliação com  consequências  quer na progressão  da carreira quer no ingresso e contratação do mais jovens.

   Hoje foi informal.

  Pode ser que se transforme num acto mais formal  e com mais impacto.

 Caramba, houve 100 mil professores na rua ... Onde se meteram? Foram sombras que se passearam por Lisboa? Estes professores estão nas escolas , fazem parte de órgãos das Escolas são profissionais e não concordam com este modelo de avaliação. Querem ser avaliados, mas naõ assim. Eu não me resigno . Parece-me inaceitável que haja professores do 1º ciclo ou do Pré-escolar, que se não houver dotação financeira nas escolas, deslocar-se-ão a outros estabelecimentos de ensino  distantes do seu local de trabalho,   no seu próprio carro com dinheiro do seu  bolso apenas para avaliar outros colegas. Depois regressam outra vez ao seu local de trabalho. Acham normal? Justo? Eficaz? Parece-me inaceitável e razão mais do que suficiente para suspender  este processo  que não assegura a igualdade de oportunidades e de acesso a todos os professores e educadores.

    Só espero que a próxima resulte, de facto, numa tomada de posição comum ,  forte e que  contribua decisivamente para a suspensão deste processo de avaliação de docentes .

 

 

 

Quarta-feira, 29 de Outubro de 2008

A escola pública

«No secundário não há nenhuma escola pública entre as 15 com as melhores classificações.»


Público, hoje

Quarta-feira, 22 de Outubro de 2008

“autarquias devem passar do seu projecto de rotundas para a Educação”.

 

Prof. Doutor Júlio Pedrosa

 

O  Professor Júlio Pedrosa é um pensador da Escola e da sua relação com o meio onde se insere e  com as famílias.

Todos nós nos preocupamos com a educação dos nossos filhos, deste modo deixo alguns links sobre o pensamento do Professor Júlio Pedrosa sobre esta temática e faço de novo o convite para estarmos a debater esta questão,educação dos nossos filhos,sexta feira na Ecoteca em Porto de Mós às 21 horas.

 

O Professor Júlio Pedrosa em 2004 para o Comércio do Porto falou das Autarquias e sua responsabilidade na Educação.

 

Professor Júlio Pedrosa, coordenador no projecto "A escola em casa", explica ao "família Cristã.com" os principios deste projecto

 

 

Entrevista do Professor Júlio Pedrosa à RR e ao Jornal "Público" no canal 2 da RTP

 

Parecer, do CNE,sobre o projecto de decreto -lei «Regime jurídico

de autonomia, administração e gestão dos estabelecimentos públicos

da educação pré -escolar e dos ensinos básico e secundário»

 

Sábado, 18 de Outubro de 2008

Onde estão as mulheres?

A maioria dos docentes do primeiro ciclo são mulheres... onde estão elas? 

 

 

Imaginem esta cena no feminino!

publicado por Ana Narciso às 15:22

editado por Paulo Sousa em 28/10/2008 às 14:06
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (8) | favorito
Quinta-feira, 16 de Outubro de 2008

Educação, Escolas e Autarquias

 

 Prof. Doutor Júlio Pedrosa

 

 

 

    O Professor Doutor Júlio Pedrosa, enquanto Presidente do Conselho Nacional de Educação, lançou um Debate Nacional sobre Educação, em 2006. Foi um debate alargado a todo o território nacional, procurando implicar todos os interessados directa ou indirectamente  na Educação.

   A grande questão lançada na altura foi:

              Como vamos melhorar a educação nos próximos anos? 

    Era seu desejo  que o resultado desse debate  pudesse contribuir para um " fundado juízo sobre o que devemos fazer para termos uma educação melhor".

 

                Dois anos depois , qual será a sua visão do estado da educação?

 

estou:
publicado por Ana Narciso às 22:03

editado por Paulo Sousa em 28/10/2008 às 14:15
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (4) | favorito
Quarta-feira, 15 de Outubro de 2008

Duas marchas marcadas

Uma para dia 8 de Novembro , marcada pela FENPROF, outra marcada para dia 15 por movimentos de professores alheios aoa sindicatos. A Ministra , com certeza agradece.Não há melhor forma de reinar do que dividir.

Esta avaliação é um verdadeiro colosso de ambiguidades  e de becos sem saída.

Mas há uma solução : vamos marchar  a 8 e a 15!! Ora nem mais

 Não há paciência para engolir , transformar e transmitir toda a complexidade de um processo dito claro, pelo  Ministério e completamente opaco  para quem está no terreno.

Uma verdadeira catástrofe para escolas, professores e alunos já para não falar das toneladas de papel e árvores abatidas ao serviço do COMPLEX Avaliativo do Ministério da Educação. A QUERCUS devia estar atenta a esta questão.Será que desconhece o processo?

Marchemos então!

 

 

 

estou:
publicado por Ana Narciso às 22:53

editado por Paulo Sousa em 28/10/2008 às 14:20
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (2) | favorito
Terça-feira, 14 de Outubro de 2008

A primeira reunião de Pais

Ontem houve a 1ª reunião de Pais,deste ano lectivo, da escola onde está o meu filho.Primeira surpresa, a quantidade de Pais presentes, de 33 turmas estavam representadas 28, segundo o Presidente da Associação de Pais  foi a mais representativa de sempre.Depois fiquei muito agradado como correu a reunião, sem muitos ruídos de fundo,conversas paralelas,houve uma exposição clara e frontal dos problemas da escola e da Associação de Pais, por parte do Presidente, aos pais "caloiros".Já me esquecia, começou à hora marcada,nem mais um minuto.

Mas a maior surpresa foi quando surgiu o Conselho Executivo, o seu Presidente um Professor jovem, não tem mais de 40 anos, fala claro, daqueles em que todos se calam para o ouvir...

Gostei do que ouvi, ficou claro para mim que os problemas de que se fala que aquela escola tem,está inserida num área geográfica da cidade com muitos problemas sociais,não são para esconder debaixo do tapete, mas para serem encarados de frente.Senti que há uma sintonia perfeita entre pais e conselho executivo,diria mesmo cumplicidade.

Chegada a hora de os pais aderirem aos novos orgãos sociais para a Associação de Pais, obviamente disse PRESENTE.

Fui para casa muito mais optimista em relação à opção tomada, pela família, em relação à ida do João para aquela escola, ainda bem.

publicado por Pedro Oliveira às 07:48

editado por Paulo Sousa em 28/10/2008 às 14:21
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (3) | favorito
Sexta-feira, 3 de Outubro de 2008

Educação por quem sabe

Numa altura em que a Educação está de novo em discussão,está sempre,é bom recordarmos o que pensa o Professor Júlio Pedrosa,actualmente Presidente do Conselho Nacional da Educação, que foi Ministro da Educação num dos Governos do Eng. Guterres,Presidente do Conselho de Reitores e  Reitor da Universidade de Aveiro. O Professor tem um pensamento muito claro e interessante sobre o ensino em Portugal desde o pré-escolar ao ensino superior.

Entrevista ao Programa "diga lá excelência" em Janeiro deste ano.

 

Ouvir AQUI!

Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

Novo ano Lectivo/AEC's qual o balanço?

No ano passado o Luís Malhó, escreveu este texto,e mais comentadores do Vila Forte se queixaram da forma como as AEC's estavam a ser geridas no Concelho.

Como é normal, devemos aprender com os erros para que eles não se repitam.

 

A minha questão é simples:

 

Como estão a decorrer as AEC's este ano nas escolas do Concelho?

 

Ou perguntando de outra forma:

 

A empresa que ganhou o concurso está a corresponder ao que foi proposto aquando do concurso, e está tudo a correr bem?

publicado por Pedro Oliveira às 13:14

editado por Paulo Sousa em 02/04/2009 às 08:45
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (25) | favorito
Quarta-feira, 1 de Outubro de 2008

A Educação em Debate

Paulo Rangel, Presidente da bancada parlamentar do PSD, afirmou agora mesmo na SIC Notícias que no próximo dia 9 de Outubro, ocorrerá no Parlamento um debate sobre a "Educação e a exigencia da qualidade" . Este debate pderá ter o contributo  de todos, uma vez que vai ser disponibilizado um blog para participação da blogoesfera!!

Boa iniciativa!!

 

http://debateeducacao.blogs.sapo.pt/
 

 

publicado por Ana Narciso às 21:38

editado por Pedro Oliveira em 02/10/2008 às 17:40
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (5) | favorito
Segunda-feira, 22 de Setembro de 2008

E aí está uma política de sucesso!!!

A ministra da Educação, Maria de Lurdes Rodrigues,

afirmou hoje, em Lousada, que um dos objectivos da sua equipa é alcançar nos próximos anos 100 por cento de aprovações no final do nono ano de escolaridade.

 

 Isto não pode ser verdade! Estes senhores para além de hipotecarem o país , estão a hipotecar o futuro destes jovens, reféns da ignorância e do faclitismo.

 Eu por mim já decidi há muito que jamais votaria no PS; só me falta convencer mais 139.000 ... professores. Claro!!

Sexta-feira, 19 de Setembro de 2008

Balanço da 1ª Semana

A escola começou para o João  na segunda feira, lembram-se das minhas preocupações em relação à mudança de uma escola privada para uma escola pública?

 

O primeiro dia foi de apresentação da directora de turma aos alunos e pais, regulamento da escola, a eleição, auto-proposta,de um Encarregado de Educação para representante da Turma junto dos professores(eu próprio) e uma visita guiada à escola. Gostei do que vi, instalações em bom estado e as sauas de aula bem equipadas, mas não fiquei tranquilizado com o que ouvi: "Meninos tenham cuidado, pois durante o ano de certeza que vão desaparecer coisas,não tragam nada de valor para a escola,nomeadamente brinquedos electrónicos.Se alguém vos agredir ou tirar dinheiro façam o favor de dizer à director de turma". Escusado será dizer que em casa o João revelou toda a sua preocupação e insegurança.Vamos ter aqui trabalho de casa.

 

Felizmente que nos dias seguintes o João se mostrou satisfeito com o ambiente da turma e como 10 meninos vêm da mesma escola ,o grupo está formado.O resto vai ter de ser ele a aprender para lidar com o dia a dia.

 

Para além do aviso contundente por parte da directora de turma o que mais me chamou a atenção foi  o horário. Não sou pedagogo,mas penso que o horário do João tem alguns problemas se tivermos em linha de conta as disciplinas e as horas em que temos mais disponibilidade mental. O João à segunda feira nas duas primeiras horas tem ginástica e depois das 3 às 5 da tarde matemática, voltando a ter matemática logo na 3ª à primeira hora.

 

Na sexta tem às primeiras duas horas da manhã, educação musical e nas duas últimas(3 às 5) Inglês e Português.Parece-me a mim, que o mais lógico seria precisamente o contrário em relação ao começo e fim de um dia de aulas.

 

Para terminar, a questão dos livros, aí a culpa não é da escola, mas acho pouco compreensivel que fazendo a encomenda dos livros em Julho ainda faltem ao João mais de metade dos livros, a papelaria diz que o problema é das editoras e, a capa de hoje do Jornal de Notícias vem confirmar essa informação.Como é possivel? Não sabem há muito tempo o que têm de produzir?

 

Resta-me a mim  e à minha esposa, como Pais e Encarregados de Educação,acompanhar o João e ter esperança que o ano lhe corra bem em termos escolares e de adaptação ao mundo real.

 

Como foi com os vossos filhos?

Quarta-feira, 17 de Setembro de 2008

Ler os outros

Gostei de ler.

Este Sr. Borges pode estar a fazer tijolo, mas deixou muitas cicatrizes na nossa sociedade.

Terça-feira, 16 de Setembro de 2008

Autarquias assinam protocolos com Ministério da Educação

 

 

 

Na lista actualizada pelo Público às 19h20 não constava o concelho de Porto de Mós. Do distrito de Leiria, apenas Óbidos já assinou o dito protocolo.

A transferência destas competências do Ministério da educação para os Munícipios pode ser visto como uma ameaça mas também como uma oportunidade. Mais do que nunca a Câmara tem de se preocupar com as escolas do seu concelho em aspectos muito mais profundos que a simples manutenção dos edifícios ou a contratatação das Actividades de Enriquecimento Curricular. Deixa de fazer sentido que um vereador acumule os pelouros da Cultura, Desporto e da Educação. O assunto é demasiado sério para que as novas exigências neste área fiquem reservada para uns buracos na agenda.

Para isso é importante que saibamos o que pensam os políticos que nos governam, e também os futuros candidatos, sobre os novos desafios das autarquias na área da educação.

O assunto é demasiado sério para ser resolvido em gabinetes fechados às sete chaves, e que só depois os agentes sejam confrontados com factos consumados. Não há que ter medo do debate.

Seria interessante promover um debate público com professores, pais e com toda a comunidade, onde se poderia ouvir técnicos com experiência na área da educação.

Noventa e duas das 308 autarquias portuguesas assinaram hoje com o Ministério da Educação os protocolos de descentralização de competências, motivando a transferência de cerca de 11.500 funcionários não docentes e 255 escolas para as suas tutelas.

publicado por Paulo Sousa às 23:21

editado por Pedro Oliveira em 17/09/2008 às 08:33
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (11) | favorito

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds