Quarta-feira, 11 de Março de 2009

O Futuro da Cerâmica Decorativa 3

A propósito disto e disto e infelizmente, para as empresas da região, depois de tantas promessas a empresas e trabalhadores, também o Governo percebeu qual é o problema desta indústria, segundo esta noticia ou esta.

estou: Muito apreensivo
Sexta-feira, 6 de Março de 2009

O Futuro da Cerâmica Decorativa 1

 

A cerâmica decorativa e utilitária é uma actividade que exige investimento em capital intensivo, nomeadamente, em mão de obra pouco qualificada.
 
Cresceu, como muitas industrias tradicionais portuguesas, à custa da desvalorização do escudo, que facilitava a exportação para mercados mais desenvolvidos e ganhos fáceis, que “convidaram” muitos empresários a investir neste sector.
 
Esta industria foi muito importante, por ter dado trabalho a muitas famílias dos concelhos da nossa região.
 
Entretanto, nos últimos 20 anos, primeiro entrámos na CEE, chegaram os fundos comunitários (PEDIP I, II e III) e os empresários aumentaram a capacidade produtiva e cresceram. Depois, entrámos no Sistema Monetário Europeu e os problemas começaram. Mais tarde a China, depois de anos a preparar-se, aderiu à OMC (Organização Mundial do Comércio), e para “ajudar” à festa conseguimos, felizmente, aderir ao Euro.
 
Esta sequência de acontecimentos, não vale a pena referir aqui a actual crise internacional, tornou inviável muitas destas industrias, nomeadamente a “nossa” cerâmica. É um problema dramático, para empresários e trabalhadores.
 
Toda a ladainha que nos foram “cantando”, sobre o reforço da competitividade, a eficiência, as competências de gestão e mais recentemente a INOVAÇÃO, são tudo chavões de gestão que se aplicam, mas nem sempre são suficientes.
 
E ainda há os chineses. Que fazer?
 
Tenho a convicção de que nem um milagre salvará esta industria, quando muito, sobreviverá uma ou outra empresa, mas esta industria enquanto tal, não terá muitas hipóteses.
 
Qual a solução? Nós vivemos numa região caracterizada pelo empreendorismo dos seus empresários. Porquê insistir? Porque é que os empresários não partem para outra?
 
E os trabalhadores o que fazer? Também têm que se reconverter. Hoje já não há trabalhos para a vida e todos nós temos que mudar ao longo da vida, de empresa, de trabalho, temos que nos formar continuamente e nunca é tarde para começar este processo. O caminho é por aí.

(continua)

estou: Apreensivo

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds