Quarta-feira, 3 de Março de 2010

Fui à formação e regressei para contar

Na sequência de uma conversa com uma pessoa que passou pela tragédia de assistir impotente a uma crise de saúde de um familiar, e que acabou por falecer, ficando sempre com a mágoa de que se tivesse alguma noção de primeiros socorros poderia ter evitado a tragédia, inscrevi-me há mais de um ano num curso de Primeiro Socorros.

Por diversas razões de ordem logística os meses foram passando e, na semana passada, recebi um telefonema para saber se o meu interesse se mantinha. Claro que sim, vamos lá arrumar esse assunto. Fui de imediato alertado para um problema… não iria receber subsídio de alimentação. Achei estranho existir subsídio de refeição para um curso ministrado das 19h às 22h, e que por isso ultrapassa a hora tida como normal para jantar. Mas não. Não tinha nada a ver com a hora das refeições, mas sim com as quotas (?). E o que é que isso quer dizer? Perguntei. Como a turma já ultrapassava a quota de alunos onde me enquadravam não poderia receber o dito subsídio. A dúvida do meu interlocutor era se ainda assim eu aceitava receber a formação. Tinha de me colocar a questão nesta fase para evitar aborrecimentos no futuro…

Perante esta lógica, engoli em seco e depois lembrei-me que vivo no país que vivo, e que está instituído como normal que, além de não ter de pagar para receber/beneficiar de formação…,  ainda é suposto receber-se por isso.

Perante qualquer estupefacção sobre esta lógica a resposta é quase automática: quem paga são ELES!!

Lembrar que ELES somos NÓS, é um raciocínio neoliberal e por isso politicamente incorrecto.

Serei eu que estou errado por entender que aprender pressupõe esforço e dedicação? Receber para aceder a uma valorização pessoal faz lembrar uns filhos muito mimados que exigem prendas não para tirarem boas notas, mas para frequentarem a escola. Que finos que eles são!

 

(Comecei este texto antes de ir para a formação e terminei-o após o regresso a casa, e por isso com estados de espírito diferentes.)

 

Nesta segunda metade começo por dizer que a minha participação na referida formação terminou no final da primeira sessão. Em público não entrarei em detalhes sobre o que motivou tal decisão.

Registo apenas o facto de que das 30 pessoas inscritas, mais de um terço não estão a trabalhar, mas também não estão … desempregadas. E porquê? Umas estão nos EFA’s, outras no CNO’s, outras no diabo a sete. São remuneradas pela participação em diversas formações, ora em exclusividade ora em simultâneo, mas nenhuma delas conta para os números do desemprego. São remuneradas por ELES, claro. Fantástico! É o que se pode chamar de desorçamentação do desemprego.

Já há socialistas com vergonha desta governação, mas o mais grave é que há alguns que apesar de tudo o que tem acontecido, ainda não se envergonham.

Segunda-feira, 13 de Julho de 2009

Um País eternamente adiado:Novas Oportunidades e o Ensino Superior

Não sou contra, antes pelo contrário, que as pessoas se valorizem ao longo da vida e estudem para melhorar os seus conhecimentos por forma a serem cidadãos mais competentes.

Mas, para quem se esforça e esforçou para estudar e conseguir as notas necessárias para tirar um curso superior, ou quem se esforça e esforçou em ter formações pós laborais de qualidade é um pouco chocante o que se passa neste País, duas histórias reais:

A "Maria" tem 53 anos e o 5º ano, está no programa das novas oportunidades, começou o mês passado, vai ter de fazer um trabalho escrito sobre a sua vida, ler uns textos que lhe vão fornecer e 2 horas de aulas à sexta feira até final do ano (menos Agosto), durante essas aulas vão falar,ela e os colegas, das suas experiências de vida e dar um pouco de matemática,mas "da simples",um pouco de Português através dos trabalhos e o que o Professor vir que precisam.No Final do ano ficará com o 9º ano. Já a convenceram a tirar o 12º ano em 2010...

 

O "Jardel", joga na primeira divisão e já foi internacional, atleta de alta competição, fez o 12º ano pelo programa novas oportunidades e já se candidatou para Medicina via "quotas" para atletas de alta competição...

 

Em vez de se apostar na validação de competências profissionais e aí sim fornecer competências em áreas que as pessoas precisem para serem melhores cidadãos e depois dar equivalências, aposta-se forte nas estatisticas, as pessoas ficam na mesma e o País também.

 

Hoje sabemos que há 52 000 vagas no Ensino Superior para o próximo ano lectivo, como trabalhamos para a estatistica, o que interessa é que aumentaram o número de vagas, agora se os cursos têm ou não saída pouco importa, basta ver que aumentaram as vagas em Enfermagem e Direito, dois cursos com imensa empregabilidade como sabemos.

 

Chego á conclusão que o País se rendeu ao "estudar para quê?".

Terça-feira, 13 de Janeiro de 2009

Caldeirada à Socialista!

Os temas davam 3 textos,mas resolvi colocar tudo num, porque penso que todos os 3 temas são bem demonstrativos do partido que nos (des)governa a nível Nacional e a nível Local:

 

1- No Institudo de Emprego e Formação Profissional os Candidatos a técnicos administrativos do estado têm de estudar um texto de Sócrates sobre as novas oportunidades...

Será que em Porto de Mós obrigam os candidatos a ler as respostas do Sr. Presidente,no "OPortomosense", à oposição?...

 

2- Armando Vara depois de já estar no BCP, foi promovido na CGD, por causa das reformas... Pegando no bom exemplo do Sr. Presidente Salgueiro, a que Instituição dará Armando Vara este acréscimo de Reforma no Futuro? Toda a gente sabe que isto é sempre feito a pensar nos outros...

 

3-Por último e mais grave, a meu ver, é a situação por que passam os professores das AEC´s em Porto de Mós. Ao contrário do que foi prometido no inicio do ano lectivo, há professores com remuneração em atraso desde Novembro.Esta informação foi-nos fornecida por alguém a quem damos a maior credibilidade e, que nos disse que há professores que já passam dificuldades não sabendo o que fazer à vida.

Para além da trapalhada toda no inicio do ano lectivo AQUI relatada,acresce este problema das remunerações.O que tem a dizer o Verador Rui Neves sobre este assunto? Não vai enveredar pela solução da avestruz pois não?

publicado por Pedro Oliveira às 11:45

editado por Paulo Sousa em 02/04/2009 às 08:44
endereço do post | comentar | É aqui que se vêem os comentários (25) | favorito

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.connosco à mesa

Os nossos convidados

Dr. Miguel Horta e Costa

Eng. Cláudio de Jesus

Dr. Saúl António Gomes

Dra. Isabel Damasceno 

Prof. Júlio Pedrosa 

Cor. Valente dos Santos

 

Os nossos leitores

Ana Rita Sousa

Carlos Sintra

 

O nosso email

 

Siga-nos 

 

.podcast


Curvas do Livramento

oiça os nossos debates

Ed. Zero

Edição 1 - 04/Jun/009

Ed. 1.1 Europeias

Ed. 1.2 Autárquicas

Ed. 1.3 Casamentos Gay

Edição 2 - 30/Jun/009

com Clarisse Louro

Ed. 2.1 Pós Europeias

Ed. 2.2 Legislativas

Ed. 2.3 Autárquicas

Ed. 2.4 PMós 2º Clarisse Louro

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.Últimos Comentários

Special thanks to MrCosmos
The Feedburner expert

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.Quiosque

diários

semanários
  regionais
 
   

.Filme recomendado

 

 

Trailer

 

 

 

.Leitura em curso


A Revolução dos Cravos de Sangue

de Gerard de Villiers

Estamos em Portugal, no rescaldo do 25 de Abril, e Lisboa é um tabuleiro de xadrez onde CIA e KGB jogam uma partida mortal. Os serviços secretos americanos, desesperados por apenas terem sabido do golpe de Estado através dos jornais, esforçam-se para impedir que Portugal caia nas mãos do comunismo. Do outro lado, a KGB tem em mente um plano diabólico e põe em campo os seus melhores agentes. É então que um golpe de teatro promete desequilibrar esta guerra fria. Natália Grifanov, mulher de um poderoso coronel da KGB, está disposta a passar para o Ocidente e a relatar todos os segredos que sabe. Para organizar essa deserção a CIA escolhe o seu melhor agente: Malko Linge. Mas nem ele conseguirá levar a cabo esta missão sem evitar danos colaterais. E é então que, nas ruelas de Alfama e nos palácios da Lapa, entre traições e assassinatos, a Revolução dos Cravos mostra a sua outra face.

E, acredite, não é bonita!

Um thriller soberbo e original, passado no pós 25 de Abril de 1974.


Saida de Emergência

.Contador de visitas

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds