Quinta-feira, 31 de Dezembro de 2009

A DÉCADA

 

 

 

Estamos a poucas horas de entrarmos no último ano da primeira década do século XXI. Mas como, apesar de ser conhecido que não houve ano 0 (zero) mas ano 1, o mundo adoptou mudar de década no início de cada dezena, para todos os efeitos parece mesmo que nos estamos a despedir da primeira e a entrar na segunda década deste século. Se afinal foi assim com o milénio, por que não haveria de continuar a ser assim com uma simples década?

Portanto festejemos a entrada da nova década com um ano de antecipação! E despeçamo-nos da já velha!

Uma década que nasceu com o novo milénio, cheio de dúvidas, receios e temores. Infundados, como se verificou! Nem sequer o bug do milénio (informático) deu dores de cabeça que se vissem…

A 2000 chegarás de 2000 não passarás, lembram-se? Era uma das profecias populares que assinalavam um dos muitos infundados terrores anunciados para o novo milénio. Já o mesmo se passara com o ano 1000, mas aí os tempos eram mesmo outros…

Os terrores da década foram outros, uns mais previsíveis e outros de todo surpreendentes. Desde logo o terror do 11 de Setembro de 2001, claramente o acontecimento mundial da década. Que mudou conceitos, regras, estados de espírito e sentimentos. Mas que mudou a geografia da paz e da guerra. E mudou a própria guerra, agora com um inimigo invisível que pode ser o próprio vizinho. Um poderoso inimigo transnacional que actua em rede e à escala global.

Mas também o terror de catástrofes naturais. Do Katrina que submergiu a capital do Jazz, ao tsunami que engoliu centenas de milhar de vítimas na Tailândia, Indonésia e Sri Lança…

Os receios que a década infundiu também pouco têm a ver com os das crenças populares. Dentre eles destaco o dos receios climáticos, do ecocídio, Dos glaciares polares a derreterem, dos rios a secarem, das ilhas a desaparecerem e dos desertos a avançarem. Receios que não foram suficientes para que algo de fundamental mudasse, como se acabou de ver em Copenhaga!

Por cá vivemos uma década de depressão e de euforias, bem à maneira portuguesa, com o muito nosso oito e oitenta.

Para muitos uma década perdida. Uma década de estagnação económica em que nos fomos sucessivamente afastando dos nossos parceiros do espaço comum europeu. Em que vimos instalar-se um anunciado desemprego endémico, que vai muito para além da crise internacional. Um desemprego que já ultrapassa a taxa dos 10% e que tudo indica não parar abaixo da de 13%.

Mas também uma década de euforia, uma euforia que havíamos experimentado no final do século, embalados pela Expo 98, e que reeditamos com o Euro 2004. Uma festa que abraçou todo o país e que só a Grécia, a mesma Grécia que agora num outro plano nos assusta, estragaria. Depois veio a factura, como sempre!

E ainda uma década que deu ao mundo um novo país, numa peça em que fomos actores principais: Timor. Que infelizmente, ainda a mesma década, começava a revelar como dificilmente viável. Tal como o Kosovo, o último e acidentado nascimento da década!

Foi a década da confirmação da Internet, com a generalização do uso da imagem e a chegada das redes socais, que revolucionaram a comunicação e com consequências políticas ainda por avaliar, como se pode ver pelo que nos chega do Irão.

Mas também a década que nos mostrou que novos ventos sopram no mundo, o tal agora globalizado. Novas potências se anunciam ameaçando a liderança mundial dos EUA, já claramente posta em causa pela China, cujo simples despertar, às primeiras espreguiçadelas, provocou autênticos terramotos na economia mundial, fazendo disparar os preços das mais diversas comodities, dos cereais ao ferro, das oleaginosas ao petróleo…

A nova década confirmará a China a caminho de se tornar na primeira potência mundial. Mas confirmará também e finalmente o Brasil como grande potência emergente.

A nós restar-nos-á o contentamento da nossa língua, a pátria de Pessoa, afinal a nossa pátria! 

Até para o ano! Um bom 2010 para todos!

 

 

.vasculhar neste blog

 

.quem esteve à mesa

Ana Narciso

Eduardo Louro

Jorge Vala

Luis Malhó

Paulo Sousa

Pedro Oliveira

Telma Sousa

.connosco à mesa

Os nossos convidados

Dr. Miguel Horta e Costa

Eng. Cláudio de Jesus

Dr. Saúl António Gomes

Dra. Isabel Damasceno 

Prof. Júlio Pedrosa 

Cor. Valente dos Santos

 

Os nossos leitores

Ana Rita Sousa

Carlos Sintra

 

O nosso email

 

Siga-nos 

 

.podcast


Curvas do Livramento

oiça os nossos debates

Ed. Zero

Edição 1 - 04/Jun/009

Ed. 1.1 Europeias

Ed. 1.2 Autárquicas

Ed. 1.3 Casamentos Gay

Edição 2 - 30/Jun/009

com Clarisse Louro

Ed. 2.1 Pós Europeias

Ed. 2.2 Legislativas

Ed. 2.3 Autárquicas

Ed. 2.4 PMós 2º Clarisse Louro

.Palestras Vila Forte

Prof. Júlio Pedrosa - Audio 

 

Prof. Júlio Pedrosa - Video 

 

Prof. António Câmara - Palestra

Prof. António Câmara - Debate

Prof. António Câmara - Video

 

Agradecemos à Zona TV

 

.Vila Forte na Imprensa

Região de Leiria 20100604

Público 20090721

O Portomosense20081030

O Portomosense20081016

Região de Leiria20081017

Região de Leiria20081017

Região de Leiria2008052

Jornal de Leiria 20080529

O Portomosense 20071018

Região de Leiria 20071019 II

Região de Leiria 20071019 I

Expresso 20071027

O Portomosense 20071101

Jornal de Leiria 20071101

Região de Leiria 20071102

.Últimos Comentários

Special thanks to MrCosmos
The Feedburner expert

.arquivos

.arquivos blog.com

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

.Vizinhos Fortes

.Quiosque

diários

semanários
  regionais
 
   

.Filme recomendado

 

 

Trailer

 

 

 

.Leitura em curso


A Revolução dos Cravos de Sangue

de Gerard de Villiers

Estamos em Portugal, no rescaldo do 25 de Abril, e Lisboa é um tabuleiro de xadrez onde CIA e KGB jogam uma partida mortal. Os serviços secretos americanos, desesperados por apenas terem sabido do golpe de Estado através dos jornais, esforçam-se para impedir que Portugal caia nas mãos do comunismo. Do outro lado, a KGB tem em mente um plano diabólico e põe em campo os seus melhores agentes. É então que um golpe de teatro promete desequilibrar esta guerra fria. Natália Grifanov, mulher de um poderoso coronel da KGB, está disposta a passar para o Ocidente e a relatar todos os segredos que sabe. Para organizar essa deserção a CIA escolhe o seu melhor agente: Malko Linge. Mas nem ele conseguirá levar a cabo esta missão sem evitar danos colaterais. E é então que, nas ruelas de Alfama e nos palácios da Lapa, entre traições e assassinatos, a Revolução dos Cravos mostra a sua outra face.

E, acredite, não é bonita!

Um thriller soberbo e original, passado no pós 25 de Abril de 1974.


Saida de Emergência

.Contador de visitas

.tags

. 25 abril(10)

. 80's(8)

. académica(8)

. adopção(5)

. adportomosense(11)

. aec's(21)

. alemanha(7)

. ambiente(9)

. amigos(5)

. amizade(7)

. angola(5)

. aniversário(9)

. antónio câmara(6)

. aquecimento global(7)

. armando vara(9)

. ass municipal(12)

. autarquicas 2009(46)

. avaliação de professores(9)

. be(7)

. benfica(13)

. blogosfera(16)

. blogs(38)

. blogues(19)

. bpn(6)

. casa velório porto de mós(10)

. casamentos gay(17)

. cavaco silva(8)

. censura(7)

. ciba(6)

. cincup(6)

. convidados(11)

. corrupção(7)

. crise(35)

. crise económica(8)

. cultura(7)

. curvas do livramento(10)

. democracia(7)

. desemprego(14)

. disto já não há(23)

. economia(25)

. educação(63)

. eleições(7)

. eleições 2009(55)

. eleições autárquicas(40)

. eleições europeias(12)

. eleições legislativas(46)

. escola(8)

. escola primária juncal(9)

. eua(8)

. europa(14)

. face oculta(18)

. freeport(14)

. futebol(39)

. futebolês(30)

. governo(6)

. governo ps(39)

. gripe a(8)

. humor(6)

. internacional(18)

. joao salgueiro(38)

. joão salgueiro(15)

. josé sócrates(7)

. júlio pedrosa(10)

. júlio vieira(6)

. juncal(31)

. justiça(11)

. liberdade(11)

. magalhães(6)

. manuela ferreira leite(13)

. médio oriente(10)

. medo(12)

. natal(13)

. obama(6)

. orçamento estado 2010(7)

. pec(8)

. pedro passos coelho(7)

. podcast(11)

. politica(12)

. politica caseira(6)

. porto de mós(119)

. porto de mós e os outros(41)

. portugal(27)

. presidenciais 2011(6)

. ps(48)

. psd(54)

. psd porto de mós(11)

. publico(9)

. religião(6)

. rtp(12)

. s.pedro(6)

. salgueiro(16)

. sócrates(81)

. socrates(62)

. teixeira santos(6)

. tgv(6)

. turismo(8)

. tvi(6)

. twitter(17)

. ue(17)

. vila forte(24)

. todas as tags

.subscrever feeds